Conceito.de

Conceito de vertigem

Escutar o artigo

Vertigem é quando o indivíduo sente que seu equilíbrio foi afetado. A sensação que a pessoa que sofre com isso tem é de que está girando, ainda que se encontre parada, algo que causa um grande desconforto.

vertigem
Quem sente vertigem tem a sensação de perda de equilíbrio

A vertigem pode ainda vir acompanhada de náuseas, vômitos ou de zumbido no ouvido, sendo sintomas que podem se ocasionar em virtude de problemas no ouvido interno, como é o caso da labirintite ou da vertigem posicional paroxística benigna. O problema ainda pode ser causado por alterações neurológicas, como tumor cerebral ou AVC (acidente vascular cerebral).

É comum que a vertigem acometa pessoas que tenha mais de 60 anos, sendo mais evidente entre as mulheres. Tal problemas pode também se manifestar durante a gravidez, em virtude das alterações hormonais que são frequentes na gestação.

Um quadro de vertigem pode ser atordoante para uma pessoa, e até incapacitante, ainda mais se ele vir junto a náuseas e vômitos.

Os sintomas dessa condição pode ser mais graves no caso daqueles indivíduos que realizam tarefas perigosas e de maior intensidade, tais como operar máquinas pesadas ou voar.

Em boa parte dos casos, os sintomas da vertigem podem se intensificar se o indivíduo fica em pé, se movimenta a cabeça ou se anda, com isso podendo durar de poucos segundos a vários dias (dependerá da causa da vertigem).

A consulta com um médico clínico é o primeiro passo a ser dado pela pessoa que sofre com episódios de vertigem. E nessa consulta o médico pode questionar o paciente sobre o que exatamente ele sente e qual a gravidade disso. O profissional costuma também questionar se a condição estaria associada a sintomas auditivos como perda de audição, zumbido ou a sensação de ouvido tapado.

Principais sintomas

De modo geral, a vertigem se trata da sensação de estar girando sobre si próprio. E algumas das coisas mais comuns que levam a essa condição é levantar-se muito rápido de um lugar depois de estar ali por algum tempo ou, ainda, levantar-se rápido assim ao estar deitado.

Mas além dessa falsa sensação de movimento do corpo ou do ambiente estar girando, outros sintomas comuns que acompanham a vertigem seriam:

– Náusea e vômitos;

– Enjoo;

– Sudorese ou suor frio;

– Visão escurecida ou enxergar pontos brilhantes;

– Zumbidos no ouvido;

– Entre outros.

Causas da vertigem

São muitos os problemas que podem gerar vertigem, podendo ela ser o resultado de algum problema estrutural como tumor, degeneração ou trauma, assim como causas vasculares, tóxicas ou infecciosas, por exemplo. No entanto, somente um pequeno baixo dos casos é devido a uma doença grave.

Cirurgias no ouvido e lesões na cabeça ou no ouvido também podem causar a vertigem. Se uma artéria estiver bloqueada no ouvido interno, isso também poderia provocar vertigem. Por fim, a Doença de Ménière, que se caracteriza como um distúrbio do ouvido interno, pode gerar essa condição.

Vertigem posicional paroxística benigna

A vertigem posicional paroxística benigna (conhecida também pela sigla VPPB) se trata de um distúrbio comum, o qual gera vertigens de curta duração devido a mudanças de posição da cabeça, o que faz com que o canal semicircular posterior localizado no ouvido interno seja estimulado.

Desse modo, quando uma pessoa se encontra com a cabeça abaixada e repentinamente retorna para a posição normal ela pode ter esse tipo de vertigem.

A VPPB afeta de forma mais frequente os indivíduos quando vão ficando mais velhos, podendo casar danos de forma grave ao equilíbrio desses, levando a frequentes quedas e, consequentemente, a lesões. Também é comum que essa condição aconteça depois que uma pessoa sofreu um traumatismo craniano.

Tontura e vertigem

conceito de vertigem
Tontura e vertigem são condições distintas

É comum que a tontura e a vertigem sejam consideradas como um mesmo problema, porém se tratam de condições distintas. Cada uma pode servir para indicar um tipo de alteração no organismo, sendo preciso que o especialista faça uma investigação mais aprofunda a fim de saber o que levou a pessoa a sentir isso.

Por um lado, a tontura caracteriza-se como uma sensação alterada de equilíbrio e de posicionamento, além de pode gerar ainda desmaio e também a sensação de que a cabeça se encontra rotacionando.

Outro sintoma comum de quem sente tontura é a fraqueza. Porém, ainda que a tontura seja um sintoma bastante incomodo, apenas uma pequena parcela das pessoas que sentem isso são diagnosticas com alguma doença grave.

Por outro lado, a vertigem se trata de um sintoma que provoca uma falsa sensação de movimento, sendo que tal falta de equilíbrio não está, de fato, acontecendo. Quem é acometido por esse problema sente que as coisas a sua volta estão rodando ou que ele mesma está rodando, sendo algo mais específico.

A diferenciação da tontura e da vertigem é feita quando o médico busca a causa do problema. Contudo, essas são sintomas de muitas doenças, em especial dos problemas que acometem o labirinto.

Citação

SOUSA, Priscila. (20 de Outubro de 2022). Conceito de vertigem. Conceito.de. https://conceito.de/vertigem