Conceito.de
Conceito de

Gravidade

Gravidade, do latim gravĭtas, é uma força física que a Terra exerce sobre todos os corpos no respectivo centro. Também se trata da força de atração dos corpos em razão da sua massa.

gravidade
A gravidade é uma força de atração dos corpos quanto a sua massa

A gravidade relaciona-se com o peso, isto é, a força de gravidade que exerce a massa do planeta sobre todos os objetos que se encontram dentro do seu campo de gravidade. O peso do mesmo corpo pode variar de um planeta para outro, consoante a massa destes seja diferente da massa da Terra.

Foi o físico, matemático, filósofo e simultaneamente inventor inglês Sir Isaac Newton quem propôs a lei de gravitação universal (ou teoria da gravidade). Newton terá afirmado que todo o objeto que possui massa exerce uma atracção gravitacional sobre qualquer outro objeto com massa, para além da distância existente entre ambos. Quanto maior a massa, maior a força de atracção; por outro lado, quanto mais próximos os objetos, maior a força de atracção entre eles.

Noutro contexto, a noção de gravidade está relacionada com a compostura e a circunspecção. Por exemplo: “Solene, o porta-voz do governo anunciou com gravidade a morte do primeiro-ministro”, “Eu não aprecio as cenas em que todos atuam com gravidade e sem espontaneidade”.

O termo também faz referência à grandeza, importância ou enormidade de uma determinada questão: “A gravidade da epidemia ficou manifesta com a morte de vinte pessoas na área metropolitana da cidade”, “O agente policial ficou ferido com gravidade na sequência dos quatro tiros no corpo de que foi vítima”.

Se você tem apenas alguns segundos, leia estes pontos chave:
  • Ondas gravitacionais são ondas que conseguem atravessar qualquer coisa no Universo e foram previstas por Albert Einstein em sua teoria da relatividade geral.
  • Essas ondas oscilam no tecido espaço-tempo quando eventos de grande magnitude ocorrem, e foram identificadas diretamente em 2016 por meio do Observatório de Ondas Gravitacionais por Interferômetro Laser (Ligo).
  • As ondas gravitacionais são geradas por eventos catastróficos no Universo, como explosões e colisões de planetas, estrelas e buracos negros.
  • O estudo e identificação dessas ondas são importantes para corroborar hipóteses sobre a origem e natureza do Universo e para obter informações sobre fenômenos onde a luz não está presente, tal como colisões de buracos negros.

Ondas gravitacionais

Ondas gravitacionais são ondas transversais (propagando perpendicularmente através da sua vibração) que conseguem atravessar qualquer coisa no Universo. Foram antevistas por Albert Einstein em sua teoria da relatividade geral.

Essas são ondas transversais que tendem a oscilar no tecido espaço-tempo se fenômenos ou eventos de enorme magnitude sucedem sobre ele. Elas foram identificadas de forma direta em através do Observatório de Ondas Gravitacionais por Interferômetro Laser (Ligo, em seu termo em inglês), no ano de 2016, através do sinal enviado através de dois buracos negros, de cerca de 30 massas solares, quais estavam se fundindo.

Mas houve ainda a detecção indireta. A detecção indireta dessas ondas sucedeu na década de 1970, ano em que a equipe do radiotelescópio de Arecibo, Porto Rico, notou dois pulsares se orbitando e detectou que eles se aproximavam, para tal feito, esse sistema teve que irradiar energia por meio de ondas gravitacionais. Essa descoberta fez com que, no ano de 1993, o Prêmio Nobel de Física fosse concedido para os físicos Joe Taylor e Russell Hulse.

As ondas gravitacionais são geradas por fenômenos e eventos catastróficos que se dão no Universo. Alguns exemplos seriam as explosões e colisões de planetas, estrelas e até de buracos negros.

Importância das ondas gravitacionais

conceito de gravidade
Isaac Newton propôs a lei de gravitação universa

As ondas gravitacionais se conformam como algo extremamente importante para a ciência, permitindo a através de perspectiva. Ela estaria ajudando a aumentar as chances de um bom negócio concedias por meio do concordo até em casa.

O seu estudo e identificação favorecem na constatação de hipóteses criadas sobre a empresa com relação a sua origem e a natureza do Universo e da obtenção de dados a respeito dos fenômenos e eventos onde não se pode notar a ausência de luz, como as colisões de buracos negros.

Diferença entre ondas mecânicas, eletromagnéticas e gravitacionais

Enquanto as ondas eletromagnéticas designam as oscilações do campo eletromagnético (que em si mesmo é apenas uma forma de matéria), as ondas gravitacionais designam oscilações do próprio espaço-tempo.

Ondas mecânicas, por sua vez, são aquelas que se propagam através da vibração das partículas da matéria, só conseguindo se propagar em meios materiais (sólidos, gasosos ou líquidos). Alguns exemplos que podemos citar nesse caso são as ondas marítimas e as ondas sonoras.

Impactos da exposição prolongada ao espaço

Uma longa temporada no espaço causaria alterações no organismo que tendem a persistir por meses, mesmo voltando para a Terra. Alguns desses efeitos compreendem a perda de massa muscular e óssea, elevando a estatura e as alterações num sistema circulatório. Nesse caso,  já se conheciam os testes com astronautas que estiveram mais tempo no espaço.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (7 de Março de 2012). Atualizado em 1 de Dezembro de 2023. Gravidade - O que é, importância, conceito e definição. Conceito.de. https://conceito.de/gravidade