Conceito.de

Conceito de volume

Do latim volūmen, o conceito de volume permite referir-se à corpulência ou ao vulto de algo. Por isso, refere-se à magnitude (ou grandeza) física que expressa a extensão de um corpo em três dimensões (comprimento, largura e altura). No Sistema Internacional (S.I.), a sua unidade é o metro cúbico (m3).

Sendo que 1 m3 corresponde ao espaço ocupado por um cubo de 1 m de aresta.

O 1 m³ refere-se ao espaço que o cubo que possui 1 m de aresta ocupa. E aqui podemos encontrar o volume multiplicando altura, largura e comprimento desse cubo.

Mas não é somente o cubo que possui volume. Outras figuras geométricas como o cone, o cilindro, a pirâmide, o paralelepípedo e o prismas, por exemplo, também possuem.

Há casos em que o volume é pequeno e então o representamos por “cm³ (centímetros cúbicos)” que é igual a 1 mililitro (ml). Já quando um volume é maior nós o representamos usando “m³ (metros cúbicos)” que é igual a 1 litro. Ambas tratam-se de unidades do sistema métrico de volume, sendo “centímetros” classificado como submúltiplo desse sistema de medida.

Já no caso de uma substancia gasosa, volume aqui refere-se ao espaço por ela ocupado ou ao volume do recipiente em que ela esteja.

O volume também é a intensidade do som e o corpo material de um livro impresso ou escrito à mão. Para a geometria, trata-se do espaço ocupado por um corpo, ao passo que para a numismática, corresponde à grossura/espessura de uma moeda ou de uma medalha.

Enquanto magnitude física, existem três tipos de unidades de volume: as unidades de volume sólido (medem o volume de um corpo através de unidades de longitude/comprimento elevadas à terceira potência), as unidades de volume líquido (criadas para medir o volume que ocupa um líquido dentro de um recipiente) e as unidades de volume de áridos (medem o volume que ocupam as colheitas quando armazenadas em silos e celeiros).

No que diz respeito ao som, o volume é a percepção subjectiva do ser humano relativamente à potência. A intensidade do som é definida de acordo com a quantidade de energia (potência acústica) atravessada por segundo numa superfície. Quanto maior for a potência, maior será o volume. Não se deve confundir volume com sonoridade, pois esta é a percepção subjectiva da intensidade.

Enquanto que o uso incorreto de volume para definir se um som é mais alto ou mais baixo refere-se a frequência desse som (graves e agudos) e não a sua intensidade

O nível de volume é medido em decibéis (dB), que é uma unidade logarítmica. Por convenção, ficou acordado que o limiar de audição de 0 dB equivale a um som com uma pressão de 20 micropascais.

Volume também é um termo utilizado para designar um livro em relação a uma coleção.

Existem muitos livros que possuem a continuação de uma história e que possuem diversos volumes.

Por exemplo: o volume 1 e volume 2 do livro “X”. Para ser caraterizado como parte de um volume, o livro precisa abordar o mesmo tema.

Nesse caso, volume de um livro tem como sinônimo série ou saga. Logo, volume aqui poderia ser traduzido como “um livro que forma parte de uma saga”.