Conceito de conservação




Jun 28, 13 Conceito de conservação

Do latim conservatĭo, a conservação é a acção e o efeito de conservar (manter, cuidar ou preservar algo, continuar uma prática de costumes). O termo é aplicado no âmbito da natureza, da alimentação e da biologia, entre outros.

A conservação ambiental ou conservação das espécies, por exemplo, faz referência à protecção dos animais, das plantas e do planeta em geral. Esta conservação visa garantir a subsistência dos seres humanos, da fauna e da flora, evitando a contaminação e o esgotamento dos recursos.

A criação de áreas protegidas (como reservas naturais ou parques nacionais) é uma das políticas mais frequentes para a conservação ambiental. Nesses espaços, a actividade humana está restringida. Além dos governos, existem numerosas organizações que trabalham pela conservação natural, como a Greenpeace ou a WWF.

O estado de conservação é o indicador que reflecte a probabilidade que tem uma espécie de continuar a existir a curto ou a longo prazo. Baseia-se nas características da população actual e nas tendências exibidas ao longo do tempo.

A conservação de alimentos, por outro lado, consiste em diversas técnicas para prolongar a vida e a disponibilidade da comida para humanos ou animais. A desidratação, a pasteurização, a adição de sal, a defumação e a congelação são alguns dos procedimentos mais frequentes.

Conhece-se pelo nome de conserva alimentar o resultado de um processo de manipulação de alimentos que permite preservá-los em boas condições durante um período prolongado. Graças a este processo, é evitada a acção de microorganismos que possam alterar as condições sanitárias do alimento.