Conceito.de

Conceito de adestramento

A palavra adestramento refere-se à ação e ao efeito de adestrar. Este verbo, por sua vez, faz alusão ao ato de endireitar, amestrar, instruir, ensinar, disciplinar, tornar capaz de fazer habilidades, fazer obedecer. Todas as acepções têm algo em comum: endireitar através da disciplina e do treino.

A forma mais usual deste conceito é aplicada aos animais, sejam estes domésticos/de estimação ou selvagens: amestrar e domar um animal. Na equitação, o adestramento é uma modalidade olímpica que também é conhecida como dressage (termo francês). Através de exercícios de treino, o cavaleiro ensina o cavalo a obedecer a todas as suas ordens (os comandos) de forma harmoniosa, graciosa e equilibrada.

O adestramento canino, praticado por milhões de pessoas em todo o mundo ainda que não o façam de forma sistemática, é o processo através do qual uma pessoa (seja o próprio dono ou outra pessoa habilitada para o efeito) faz com que o cão aprenda e adquira destreza em algo. Este adestramento pode ser levado a cabo não só para desenvolver a obediência básica do animal, mas também para treiná-lo de modo a poder participar em competições desportivas ou em concursos.

Também, há o adestramento com o objetivo de treinar um animal para a atuação com a polícia, tal como é o caso de cães farejadores que são essenciais para encontrar rastros, em busca de evidências de crime, pessoas desaparecidas, corpos, etc.

Tem se popularizado também o adestramento felino, com donos ou uma pessoa habilitada realizando esse processo. O adestramento de gatos ainda é um tema que levanta muitas discussões, tendo em vista que há aqueles que defendem que esse é um animal que não possa passar por esse tipo de processo como um cachorro o possa, enquanto outros têm provado o contrário.

Com a popularização da internet, há também tutoriais que mostram os passos para que os donos de pets consigam aprender as técnicas de adestramento e as possam aplicar no adestramento de um cachorro ou gato (havendo técnicas específicas para cada um desses pets).

Ainda assim, são aprendidas as técnicas básicas por meio desses treinamentos. Em caso de animais que tenham um comportamento mais complicado, então a melhor solução é o adestramento por meio de um profissional habilitado, pois ele tem experiência com esse tipo de problema.

O adestramento pode ser utilizado também para ajudar o animal a ter mais tranquilidade, reduzindo o estresse e a angústia. Ele molda o comportamento de um animal, podendo até mesmo torná-lo mais saudável.

Um exemplo seria no caso de um cachorro não adestrado, ele tende a não compreender seus limites, não responder a liderança do seu dono, gastando energia de forma negativa.

Ainda existe o adestramento de aves de rapina.

Tratando-se do ser humano, o adestramento é um processo contínuo, sistemático e organizado que permite desenvolver habilidades, conhecimentos e destrezas necessárias para desempenhar um trabalho de forma eficiente. Completa o processo de seleção, ao instruir o novo empregado sobre as características próprias do seu trabalho. No caso das crianças e dos adolescentes, é necessário nos casos de maior rebeldia e indisciplina.

Convém distinguir entre adestramento e treino. O primeiro consiste na correta aprendizagem de habilidades, ao passo que o segundo é a repetição mecânica de uma ação.