Conceito.de

Conceito de balanço patrimonial

Escutar o artigo

Balanço patrimonial se trata de um relatório financeiro que demonstra de claramente a situação econômica e contábil de uma empresa. E leva-se em consideração tanto ativos quanto passivos da empresa, que seriam bens e dívidas, respectivamente, num determinado período.

balanço patrimonial
O balanço patrimonial é um relatório financeiro muito importante

Ele é ainda conhecido como balanço contábil e o mesmo ajuda as empresas de qualquer porte e segmento a fazerem a identificação das suas fontes de recursos e dos seus investimentos.

Além disso, ele é importante para ajudar uma empresa a compor o planejamento tributário, a tomar decisões importantes e de forma coerente quanto se trata das finanças, além de ser importante para a apresentação de dados financeiros e contábeis para investidores.

O uso do termo “balanço” tem sua origem na ideia de que os ativos de um negócio devem ser simulares aos passivos com o patrimônio líquido, o que ajudaria conferir equilíbrio nas finanças.

No que se refere a situação econômica e contábil, o balanço patrimonial é um dos mais essenciais documentos que trazem dados sobre um negócio nesse sentido.

O balanço patrimonial é um documento obrigatório para as empresas do Brasil que não tenham optado pelo Simples Nacional, sendo tal documento importante para apresentar um relatório sobre a evolução do patrimônio de um negócio. Mas o documento é usado para apresentar essa evolução apenas na finalização de cada exercício social (chamado ainda de período administrativo ou período contábil).

Características do balanço patrimonial

Um balanço patrimonial que seja simples, de modo geral, traz as datas (começo e fim) no que se refere aos dados ali presentes, ainda apresentando mais informações sobre os ativos, os passivos e sobre o patrimônio líquido daquela empresa.

O patrimônio líquido se trata daquilo que uma empresa possui como capital, reunindo todos os seus recursos, assim como as quantias que são investidas pelos sócios, as reservas de lucros e outros valores.

Por sua vez, os ativos se configuram em tudo o que um negócio detém a posse, tais como dinheiro disponível no caixa, bens (móveis e imóveis), direito e outros. Assi, tudo o que pertence a empresa e que possa ser convertido em valor econômico se considera um ativo. E os ativos ainda podem se classificar em:

– Ativo circulante: a quantia que a empresa possui e que pode ser usada em operações no curto prazo, se tratando e recebíveis de até 1 ano;

– Ativo não-circulante: esses é um ativo que só pode ser convertido em dinheiro no médio ou no longo prazo. Isso quer dizer que os ativos aqui classificados não podem ser recebidos no ano seguinte.

Já os passivos se tratam das dívidas ou das obrigações que possui uma empresa. Em outras palavras, é algo que tende a reduzir o patrimônio dessa empresa. E aqui os passivos podem ser:

– Passivos circulantes: aqui estão as dívidas que serão quitadas dentro de um ano, onde estão: impostos sobre notas fiscais, salários e outras dívidas;

– Passivos não-circulantes: já aqui estão as dívidas que apenas serão quitadas depois do ano seguinte, um exemplo comum desse tipo de passivo são os financiamentos imobiliários.

Importância desse documento

conceito de balanço patrimonial
É um especialista em contabilidade quem deve realizar esse relatório financeiro para as empresas

Só que o balanço patrimonial não é resumido somente a um indicador para se saber sobre as finanças de uma empresa. Mas ele garante as bases para a realização do cálculo das taxas de retorno de quem investir nela, além de ser útil para a avaliação da estrutura de capital de uma empresa.

Quando a empresa aprende a elaborar um balanço patrimonial ou contrata um especialista para que realize isso, ela então terá em sua posse um documento que traz informações em detalhes sobre seu capital disponível, suas dívidas e da quantia que investidores aplicaram nessa empresa.

Esse balanço pode ser usado sozinho ou aliando o mesmo a outros documentos que tratam de fornecer informações financeiras sobre uma empresa, com isso se pode realizar uma análise mais aprofundada quanto a gestão financeira e outros aspectos relacionados que dizem respeito ao negócio.

Balanço patrimonial e DRE

Quando uma empresa realiza o levantamento a respeito das suas finanças, é comum que, além do balanço patrimonial, ela ainda realize outros documentos, como o que é chamado de Demonstração do Resultado do Exercício (da sigla DRE). Do mesmo modo que o balanço, o DRE se trata de um relatório muito importante e que complementa a análise financeira de um negócio.

O DRE traz informações financeiras sobre o ano-exercício (o período de tempo selecionado para realizar-se a demonstração dos resultados contábeis de uma empresa), fazendo uma reação das receitas e despesas da empresa, levando em conta o seu regime de competência.

Por conseguinte, o balanço patrimonial traz informações sobre a quantidade de ativos e de passivos um negócio dispõe. Mas o DRE não considera os ativos e os passivos, somente trazendo informações sobre a movimentação de receitas e também de despesas de um determinado período.

Citação

SOUSA, Priscila. (17 de Novembro de 2022). Conceito de balanço patrimonial. Conceito.de. https://conceito.de/balanco-patrimonial