Conceito.de

Conceito de linguagem figurada

A linguagem figurada é aquela pela qual uma palavra exprime uma ideia recorrendo a outros termos, apelando assim a uma semelhança, seja esta real ou imaginária. A linguagem figurada opõe-se à linguagem literal, já que esta usa as palavras com o seu verdadeiro significado, isto é, refere-se às coisas tais como elas são.

Por exemplo: O termo cão refere-se, no sentido literal, a um mamífero quadrúpede pertencente à família dos canídeos. Contudo, na linguagem figurada, o conceito permite fazer referência, pelo menos em Portugal, a algo pejorativo (negativo). “Que vida de cão a tua!” significa que a pessoa em questão tem uma vida miserável e que vive sob péssimas condições, sem qualquer reconhecimento ou recompensa por isso. Ainda na mesma linha de raciocínio, o Brasil usa o termo cachorro igualmente com conotação negativa: “Você é um cachorro” (o receptor tem mau carácter, de acordo com o emissor).

A linguagem figurada sugere significados, cabendo ao ouvinte ou leitor descobrir o verdadeiro sentido. Imaginemos, por exemplo, que alguém ouça a frase “esta senhora leva uma vida de cão” e que essa mesma pessoa desconheça os códigos linguísticos usados em Portugal. É bem provável que fique desconcertada.

Aquilo que produz a linguagem figurada é um deslocamento do sentido. “O meu chefe rugiu-me e deixou-me sem quaisquer hipóteses” não significa que o patrão do falante seja um leão (o animal que ruge). A frase está a sugerir que o chefe tem uma atitude feroz, sendo uma pessoa com quem não se pode conversar.

A linguagem figurada marca fortemente a sua presença na poesia e nos textos literários. Em contrapartida, nos documentos científicos ou jurídicos, entre outros, é mais usada a linguagem literal (cuja função consiste unicamente em comunicar) pela sua maior precisão e neutralidade, evitando assim confusões ou ambiguidades.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

encomenda

A Michaelis em seu dicionário online reconhece cinco significados para o termo encomenda. O primeiro fala de encomenda como o...

Conceito de

gengiva

A gengiva é a carne que protege os dentes e recobre a parte interna das mandíbulas. O termo tem sua origem etimológica na...

Conceito de

enclave

Um enclave é um território rodeado por outro que possui características distintas em termos de administração, regime...

Conceito de

encíclica

A palavra grega “egkýklios” tornou-se encíclica em nossa língua. O termo é usado para se referir a uma...

Conceito de

enciclopédia

Com origem nos vocábulos enkyklos (“em torno de”) e paideia (“educação”), a noção de enciclopédia se refere a um...

Conceito de

tomada

O primeiro significado de tomada mencionado no Dicionário Brasileiro da Língua Portuguesa da Michaelis refere-se ao ato ou...

Conceito de

encanto

O conceito de encanto pode ser usado de diferentes maneiras. O termo é usado com referência ao indivíduo, animal, lugar ou...

Conceito de

encarnação

Encarnação, vindo da palavra latina “incarnatiōne”, é o ato e consequência de encarnar. Este verbo (encarnar) se...

ARQUIVOS