Conceito.de

Conceito de modelo atómico

Um modelo atómico é uma representação gráfica da matéria a nível atómico. Visa facilitar o seu estudo através da abstracção da lógica de um átomo a um esquema.

Existem vários tipos de modelos atómicos. O modelo atómico de Schrödinger, por exemplo, é um modelo quântico não relativista que se baseia na solução da equação de Schrödinger para um potencial electrostático com simetria esférica.

O modelo atómico de Bohr ou de Bohr-Rutherford, por sua vez, é um modelo quantizado do átomo que Bohr propôs para explicar como é que os eletrões podem ter órbitas estáveis em torno do núcleo. Este modelo funcional não representa o átomo em si, enquanto objeto físico, mas explica o seu funcionamento através de equações.

O modelo atómico de Thomson ou modelo do pudim é uma teoria sobre a estructura atómica proposta por Joseph John Thomson, quem descobriu o electrão. De acordo com este modelo, o átomo é composto por electrões de carga negativa num átomo positivo, à semelhança das passas num pudim.

Nesse modelo, as cargas negativas estáticas são distribuídas de maneira uniforme e, assim, a carga elétrica resultante, o total, acaba sendo nula.

O modelo atómico de Rutherford foi proposto pelo químico e físico Ernest Rutherford para explicar os resultados da sua experiência com a lâmina de ouro. Rutherford assinalou que os átomos possuem electrões e que estes giram em torno de um núcleo central. Esse núcleo concentra toda a carga positiva do átomo e quase toda a massa.

Ernest Rutherford foi até a Inglaterra com o objetivo de obter mais conhecimento por meio das orientações do físico Joseph John Thomson quanto as investigações sobre os raios-X e sobre as emissões radioativas.

Num de seus experimentos e estudos com uma lâmina fina feita de ouro, Rutherford conseguiu bombardeá-la com núcleos do átomo de hélio (que seriam partículas de alfa). Rutherford acreditava que os átomos teriam o mesmo comportamento de partículas de poeira ante o raio de sol.

Com base no modelo de Rutherford, o físico dinamarquês Niels Bohr conseguiu, no ano de 1923, complementar esse modelo e acrescentar a ideia de que os elétrons, quando se encontram alocados com um determinado nível de energia, movem-se em volta do núcleo. Com essa ideia, o resultado seria que um elétron poderia mudar de nível somente se ele ganhasse energia ou a perdesse.

Por fim, podemos mencionar o modelo atómico de Sommerfeld, uma generalização relativista do modelo atómico de Bohr. Arnold Sommerfeld alertou para o facto de, em certos átomos, as velocidades dos electrões alcançarem uma fracção apreciável da velocidade da luz. Por esse motivo, modificou o modelo atómico de Bohr, no qual os electrões só giravam em órbitas circulares, e acrescentou que também podiam girar em órbitas elípticas.

A ideia da existência de átomos surgiu com os gregos, com esses átomos sendo caracterizados como partícula pequenas e invisíveis. Mas foi apenas no século XIX que os estudos sobre essa partículas tomou gás novamente.

No ano de 1808, o cientista John Dalton trouxe a seguinte ideia sobre os átomos: toda matéria seria constituída por partículas invisíveis, ou seja, por átomos. O objetivo com isso era conseguir fazer a explicação sobre alguns acontecimentos relacionados as reações químicas.

No Brasil o termo usado para descrever isso é “modelo atômico” ou costuma-se falar mais no geral em “modelos atômicos”.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

eixo terrestre

A noção de eixo tem mais de uma dúzia de significados. Pode ser a haste que sustenta um corpo enquanto ele gira, passando por...

Conceito de

égide

Égide tem origem na palavra latina “aegĭde” que significa o escudo de Júpiter ou o escudo de Minerva. De acordo...

Conceito de

écloga

Uma palavra grega que pode ser traduzida como escolha, chegou ao latim como “eclŏga” que em português se converteu...

Conceito de

Idade Antiga

Com origem etimológica na palavra latina “aetāte”, idade pode se referir a diferentes questões. Neste caso, vamos...

Conceito de

efusivo

O adjetivo efusivo é usado para qualificar aquilo ou aquele que manifesta ou revela efusão: ímpeto, vigor ou expansão nos...

Conceito de

efluente

A Michaelis, em seu Dicionário Brasileiro da Língua Portuguesa, define um efluente como um resíduo (em forma de fluido ou...

Conceito de

efeméride

A palavra grega “ephemerís”, que se refere ao que é próprio de um dia, derivou no latim “ephemerĭde”...

Conceito de

edema

A palavra grega “oidema” chegou ao nosso idioma como edema. O termo é usado no campo da medicina para se referir à...

ARQUIVOS