Conceito.de

Conceito de pronunciação

Pronunciação, do latim pronuntiatĭo, é a acção e o efeito de pronunciar (articular e emitir sons para falar; ressalvar; resolver; declarar-se a favor ou contra algo ou alguém). O conceito é utilizado para fazer referência ao modo ou à maneira como se expressam/dizem as palavras.

Exemplos: “É fácil distinguir os Ingleses dos Americanos pela sua pronunciação”, “A professora de línguas disse-me que eu tinha de aperfeiçoar a pronunciação”, “Qual é a pronunciação correcta do apelido Murray? Murrai ou Marri?”.

Uma mesma palavra pode ser pronunciada de maneiras diferentes. Em geral, uma única pronunciação é a correcta, ao passo que as restantes são desvios da linguagem por diversos factores sociolinguísticos.

Por hábito, apesar das diferentes pronunciações, os interlocutores conseguem entender-se mutuamente. Isso é que acontece numa conversa entre um Português e um Brasileiro, um Britânico e um Americano ou ainda um Espanhol e um Argentino. No entanto, se a pronunciação de certas palavras for bastante diferente da habitual, pode acabar por comprometer o entendimento (a compreensão).

A região geográfica, a classe social, a idade e a educação são alguns factores que influenciam a pronunciação. Na linguagem corrente, dá-se o nome de pronúncia (ou sotaque) à modalidade de pronunciação: “A avaliar pela pronúncia dele, acho que este homem não é desta terra”, “Percebi que era carioca pela sua pronúncia”.

Pronunciação, por outro lado, é um discurso ou declamação pública que supõe o apoio ou a condenação a uma causa ou pessoa: “A pronunciação do governador sobre o escândalo do Senado surpreendeu os seus partidários”, “Não esperem da minha parte que eu me pronuncie sobre esse assunto”.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (20 de Dezembro de 2013). Conceito de pronunciação. Conceito.de. https://conceito.de/pronunciacao