Conceito.de
Conceito de

Sapato

Sapato é um termo que provém de zabata, sendo este um vocábulo da língua turca. Um sapato é uma peça de calçado que protege o pé, conferindo comodidade e conforto à pessoa na hora de levar a cabo diferentes ações (caminhar, correr, saltar, etc.).

sapato
O sapato é um calçado que protege o pé

Os sapatos dispõem de uma sola e de uma estrutura de couro, borracha ou outro material que chega até ao tornozelo. Deve-se enfiar o pé no sapato de maneira a que a planta do pé fique localizada mesma acima da sola. Em geral, os sapatos dispõem de cordões que permitem um ajuste preciso aos pés.

Com o passar dos anos, os sapatos foram evoluindo bastante o seu aspecto e a sua finalidade. Originalmente, um sapato era uma espécie de bolsa de couro que protegia os pés para que a pessoa não se magoasse ao caminhar e pisar determinadas superfícies. Além do mais, conferia abrigo, o que já não acontecia com as sandálias.

Neste sentido, recordem que o primeiro sapato que se conhece como tal data do ano 1.600 a.C. Foi utilizado na Babilónia e era uma espécie de mocassim de couro que se apertava com cordões.

Hoje em dia, os sapatos preenchem essas funções básicas (protecção e abrigo), como também refletem um estatuto social. Os sujeitos que ocupam uma posição de poder e desejam manifestá-la, calçam sapatos bastante dispendiosos, cuja qualidade se nota à primeira vista. Os sapatos, por outro lado, são usados em contextos formais, acompanhados por certas calças, camisas e carteiros.

Enquanto os sapatos de homem cobrem quase todo o pé, já os de senhora deixam mais o pé a descoberto. Outra diferença importante é que os sapatos femininos costumam ter tacão na zona do calcanhar, fazendo a mulher parecer mais alta.

Na hora de escolher um sapato adequado, deve-se sempre ter em conta várias recomendações:

-Que seja apropriado para o uso que se lhe for a dar e o lugar onde se for usar.

-Que se adapte ao pé.

-Que seja suave e transpirável.

Se você tem apenas alguns segundos, leia estes pontos chave:
  • A confecção de sapatos inclui uma variedade de materiais, como couro natural e sintético e materiais mais sustentáveis, como o couro ecológico e o couro vegano.
  • Os diferentes tipos de sapatos se adequam a várias necessidades e ocasiões, incluindo sapatos formais como mocassins, sapatos casuais como tênis e sapatilhas, e sapatos para ocasiões especiais como chuteiras e sapatos de dança.
  • Há uma distinção entre sapatos femininos, masculinos e unissex, com cada um incorporando diferentes elementos de design, cores e ornamentos.
  • A tendência unissex na moda de calçados está crescendo, permitindo uma maior expressão individual e oferecendo opções que ultrapassam as convenções de gênero.

Materiais utilizados na confecção do sapato

A confecção de sapatos compreende o uso de diferentes materiais, cada um possuindo características distintas.

O couro, que vem da pele animal, é bastante usado devido à sua durabilidade e também respirabilidade. E há diferentes tipos, como no caso do couro de boi e o de cabra, cada um dispondo de texturas e resistências específicas.

Materiais sintéticos, como é o caso do poliuretano e do PVC, trazem uma alternativa acessível, mas há desvantagens, como menos respirabilidade, além dos impactos ambientais na produção.

Por conseguinte, materiais sustentáveis recebem destaque, como é o caso do couro ecológico, qual se produz com menos impactos ambientais, e o couro vegano, que se trata de um material bastante parecido com o couro, contudo que não é feito com nada de origem animal.

Essas opções sustentáveis visam equilibrar a funcionalidade do calçado a preocupações éticas e ambientais, retratando uma tendência crescente na indústria da moda rumo à sustentabilidade.

Tipos de sapatos e suas características

conceito de sapato
Os sapatos possuem diferentes formatos

A diversidade de sapatos supre as distintas necessidades e ocasiões, refletindo a moda, funcionalidade e gostos pessoais. Sapatos formais, como mocassim, são ideais para usar em locais e eventos que peçam algo mais elegante. Eles se caracterizam pelo design elegante e materiais de qualidade, conferindo um visual refinado.

Existem ainda os sapatos casuais, como tênis e sapatilhas, que trazem conforto e estilo para atividades do dia a dia. Tênis são outra escolha, sendo uma opção versátil, podendo variar entre o casual e o esportivo. As sapatilhas, por conseguinte, são calçados populares entre as mulheres aliando conforto e elegância.

Sapatos para ocasiões especiais são projetados com objetivos particulares. Chuteiras, por exemplo, suprem às demandas esportivas, conferindo aderência e suporte. Já os sapatos de dança são confeccionados para otimizar movimentos, proporcionando flexibilidade e estabilidade nas apresentações.

Além do mais, existe uma distinção entre os sapatos femininos, masculinos e unissex. Sapatos femininos tendem a incorporar designs mais delicados, cores chamativas e mais ornamentos. Enquanto isso, os sapatos masculinos dispõem de linhas mais sóbrias e tons neutros.

Mas há a tendência unissex, qual tem crescido bastante em vários locais, destacando a igualdade de estilo e conferindo opções de calçado que vão além das convenções de gênero. Essa opção ainda estimula a expressão individual. A variedade de tipos de sapatos exibe a riqueza da moda e também a capacidade dos calçados suprirem a uma extensa gama de necessidades e de preferências.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (13 de Março de 2017). Atualizado em 19 de Novembro de 2023. Sapato - O que é, conceito, tipos e características. Conceito.de. https://conceito.de/sapato