Conceito.de

Conceito de crase

Escutar o artigo

Crase (`) se trata de um sinal indicativo, mais conhecido pela existência do acento grave. Esse termo teria se originado na Grécia, sendo que o seu significado é “fusão” ou mesmo “mistura”.

crase
A crase é conhecida também como acento grave

Usada na língua portuguesa, a crase se trata do contrair de duas vogais iguais, sendo, de modo mais específico, a mistura da preposição “a” com o artigo “a” e o “a” do começo de pronomes. Assim, sempre que existir a mistura/mescla de tais elementos, então deve ser feito o uso da crase.

Mas para que o uso desse acento grave seja feito de forma correta, existem algumas regras que devem ser seguidas. Isso quer dizer que existem situações que devem ser analisadas para saber se ali cabe o uso ou não da crase. E uma das principais regras é observar se há, ao mesmo tempo, uma preposição e um artigo ou um pronome.

Contudo, uma regra geral para o seu uso é que a mesma resulta da junção do artigo “a” + preposição “a”.

Outras regras para o uso da crase

Veja a seguir algumas regras para o uso da crase.

Antes das palavras que são femininas

Dentre as outras regras para o uso do acento grave, há a de substituir numa frase a palavra por uma palavra masculina, se isso fizer sentido, então há ali o uso desse sinal. Veja alguns exemplos a seguir:

– Ontem fui chamado à escola, deveria comparecer a direção para conversar sobre meu filho;

– Ontem fui chamado ao colégio, deveria comparecer a direção para conversar sobre meu filho.

Desse modo, sempre que uma palavra puder ser substituída por uma masculina há como incluir na frase uma crase. Veja então outros exemplos de uso dela antes de termos femininos:

Acompanhando os verbos que indicam um destino

Se a frase possui um verbo indicando um destino, então se deve fazer uso da crase também. Há a seguir alguns exemplos para um melhor entendimento:

– Vamos à padaria para comprar alguns pães;

– Ela deve ir à casa da mãe amanhã;

– Foram à praia, contudo depois começou a chover e tiveram que retornar.

Nos exemplos acima, o que facilita a identificação quando ao uso do acento grave é também pensar na seguinte maneira:

– Quando puder incluir numa frase “para a”, então isso indica que ali haverá o uso desse acento grave: “vamos à casa do Ricardo” ficaria “vamos para a casa do Ricardo”.

Numa locução adverbial, prepositiva e conjuntiva

Outro caso onde se faz o uso da crase é quando se trata de uma locução que pode ser adverbial, prepositiva ou mesmo conjuntiva. Por exemplo:

– Saíram à tarde;

– Os moços correram às pressas até o hospital onde o amigo estava;

– Às vezes é bom ter alguém com que se possa conversar;

– À medida que eles se afastavam da sua cidade natal, começavam já a chorar de saudades, mas sabiam que partiam em busca dos seus sonhos.

Precedendo os pronomes demonstrativos

conceito de crase
Existem algumas regras para um correto uso da crase

Antes de aquele, aquela ou aquilo, por exemplo, o acento grave também é aplicado. Veja a seguir alguns exemplos:

– Durante as férias de verão, eles retornaram para àquela praia;

– Você se refere àquele incidente que aconteceu no verão do ano passado?

Nesses exemplos, poderia fazer a substituição por “para a” ou acrescentar outro “a” na frente do pronome demonstrativo, o que ajudaria na identificação da existência de uma crase, veja:

– Durante as férias de verão, eles retornaram a aquela praia;

– Você se refere a aquele incidente que aconteceu no verão do ano passado?

Mas o exemplo acima seria apenas para fins de orientação a fim de identificar se há crase, não sendo o correto para uso na escrita na língua portuguesa.

Quando se quer indicar as horas

O uso do acento grave se faz presente também quando o objetivo é indicar as horas. Nesse caso, o uso do sinal é feito antes do numeral cardinal que indicada as horas, ficando assim:

– Começo o trabalho cedo, às 7h da manhã já estou na empresa, antes de todos;

– Ele costuma sair do colégio às cinco horas da tarde.

Mas é importante saber sobre uma regra quanto ao uso da crase nesse caso, que é a seguinte: não deve ser feito o uso do acento grave quando a frase indica as horas se existir uma preposição como “desde”, “após”, “para”, etc., assim:

– Eles chegaram após as sete da noite para a celebração;

– O casamento estava marcado para as 7h;

– Desde as seis da manhã que eles estavam esperando para serem atendidos.

Quando a crase não deve ser usada

O uso da crase não deve acontecer nas seguintes situações:

– Quando houver termos repetidos, como “dia a dia” ou “cara a cara”;

– Antes de verbos que não estejam indicando um destino: “passava o dia a chorar”;

– Antes de palavras no masculino: “o carro a gasolina de Manoel”;

– Também não se usa a crase antes de um pronome demonstrativo: essa, esse, isso, este e esta;

– E nem antes dos pronomes pessoais do caso reto e oblíquo: “contamos a ele sobre o que aconteceu” (exemplo com pronome do caso reto) e “contaram a ti sobre a mudança nos horários?”.

Citação

SOUSA, Priscila. (8 de Setembro de 2022). Conceito de crase. Conceito.de. https://conceito.de/crase