Conceito de dinossauro


Jul 12, 14

Dinossauro é um termo que advém de um vocábulo grego que se pode traduzir por “lagarto terrível”. O conceito é usado para evocar os vertebrados sauropsídeos que dominaram a Terra durante 160 milhões de anos até que, por motivos ainda por confirmar, se extinguiram.

O clade os Dinosauria (nome científico) incluía animais bípedes e quadrúpedes. Também se tende a falar de dinossauros com asas (como os pterossauros) e de dinossauros aquáticos (plesiossauros), se bem que estas espécies, na realidade, não pertenciam a este género.

Os dinossauros caracterizavam-se pelo seu imenso tamanho, de acordo com aquilo que a ciência conseguiu descobrir graças aos seus fósseis (restos conservados em rochas sedimentares). Efectivamente, os dinossauros foram os maiores seres vivos que alguma vez habitaram o planeta Terra, alcançando extremos de 50 metros de comprimento, 17 metros de altura e pesos que rondavam as 100 toneladas, conforme as espécies.

É possível dividir os dinossauros entre herbívoros e carnívoros em função da alimentação. Entre os herbívoros, pode-se destacar os estegossauros, os anquilossauros e os braquiossauros, ao passo que alguns dinossauros carnívoros eram os tiranossauros e os velocirraptores.

Os dinossauros extinguiram-se há 65 milhões de anos, possivelmente pelo impacto de um enorme asteróide contra a Terra. Por isso, não chegaram a conviver com o ser humano quem, no entanto, conheceu grandes animais já extintos como o mamute ou o tigre-dente- de-sabre.

Nas últimas décadas, especulou-se sobre a possibilidade de recuperar ou fazer reviver os dinossauros através da biotecnologia. Para isso, seria necessário extrair ADN de fósseis de dinossauros para os reconstruir, coisa que hoje é tecnicamente impossível.