Conceito.de

Conceito de fervor

Fervor é um substantivo que se associa à energia e o brio. Quando uma pessoa age com fervor, está a depositar entusiasmo nos seus actos, desempenando-os com ímpeto.

Exemplos: “O público cantou com fervor cada canção da banda”, “Quando o actor saiu para o cenário, entregou-se com fervor apesar do mau momento que viveu horas antes do concerto”, “O fervor dos manifestantes não foi suficiente para reverter a decisão do dirigente político”.

O fervor, como se pode ver, também diz respeito à recepção cálida e passional que se realiza de algo. Peguemos no exemplo do presidente da câmara municipal de uma cidade que convoca um acto público. Aos poucos minutos de iniciar o seu discurso, anuncia que irá baixar os impostos. A decisão é aplaudida com fervor pelas pessoas.

No âmbito da religião, o fervor é o recogimiento, o ardor e a entrega do crente. Quando alguém se mostra predisposto para com os assuntos religiosos ou àqueles associados ao misticismo, diz-se que é fervoroso. O fervor, por conseguinte, está relacionado com a espiritualidade e a sensação de uma entrega sem condições para um ser superior.

É possível considerar o fervor como uma característica positiva na personalidade de um indivíduo. Nesse caso, destaca-se o compromisso da pessoa fervorosa como algo valioso. Porém, há quem ache que o fervor se pode tornar prejudicial se levar a pessoa a agir irracionalmente. Por isso, pode-se indicar que o fervor é bom desde que de forma moderada, evitando-se assim os excessos.