Conceito.de

Conceito de fisioterapia

Escutar o artigo

Fisioterapia é a área responsável por tratar e prevenir problemas de movimentação e funcionamento dos órgãos e sistemas corporais.

fisioterapia
A fisioterapia é realizada por um especialista chamado de fisioterapeuta

É comum que, quando uma pessoa tenha sofrido um acidente ou alguma doença tenha deixado sequelas no sistema motor, o médico indique sessões de fisioterapia para a reabilitação, ou seja, ele prescreve essa intervenção a fim de que haja a recuperação dois movimentos nesse paciente.

Problemas como acidente vascular cerebral (AVC), por exemplo, podem deixar sequelas que requerem a intervenção da fisioterapia.

Desse modo, essa área objetiva fazer a preservação, manutenção e realizar o desenvolvimento e a restauração da integridade de órgãos, sistemas e também funções.

E para isso a fisioterapia, além de se basear em disciplinas sociais e comportamentais, faz uso de elementos de áreas como bioquímica, biomecânica, morfologia, patologia, sinergia funcional, patologia dos órgãos, entre outras.

O profissional que atua nessa área é chamado de fisioterapeuta e o mesmo tende a receber exames dos médicos e pode realizar o planejamento da melhor intervenção que julgar eficaz com foco na reabilitação do paciente. O fisioterapeuta, dentro das suas possibilidades, pode ainda realizar avaliações. Para ser fisioterapeuta é necessário realizar uma formação na área.

Ferramentas da fisioterapia

Um fisioterapeuta pode usar diferentes meios para ajudar na reabilitação do paciente. Na maioria das vezes, é usado o próprio corpo do paciente, com movimentos adequados para o que se objetiva.

Mas em outros casos são utilizados equipamentos específicos para cada tipo de exercícios. Há ainda a crioterapia, que é a aplicação de frio na região que será tratada uma dor ou inflamação, o uso de estímulos elétricos, massagens, entre outros.

Mas além dos tratamentos, esses especialistas também realizam procedimentos de prevenção. É comum que as empresas contratem profissionais como esses para a realização de programas de gerenciamento de riscos, ajudando os trabalhadores daquela empresa a evitarem lesões ocupacionais.

Origem da fisioterapia

Conta-se que a fisioterapia teria surgido no século XX, quando, entre as guerras que estavam ocorrendo (I Guerra Mundial e II Guerra Mundial), houvera exercícios que passaram ser algo efetivo para a promoção do bem-estar e recuperação das funções motoras das pessoas.

Mas antes disso já existiam algumas práticas de exercícios tanto para a promoção da saúde como também para a recuperação de lesões. Contudo não era algo que se assemelhasse ao que se tem hoje na fisioterapia.

Conta-se que desde os tempos antigos o ser humano já fazia uso de diversos métodos como água, eletricidade e também o calor a fim de atenuar disfunções sofridas pelo corpo. Um exemplo disso era a eletroterapia feito por meio de peixes elétricos, algo que se deu entre 4000 a.C. e 395 d.C. também.

Outro tipo de terapia usada naquela época era a ginástica, mas essa era realizada somente por sacerdotes. Esses sacerdotes estudavam e faziam planejamentos quanto a tal prática, para somente após isso a poderem aplicar e terem resultados.

Fisioterapia no Brasil

Já no Brasil, a fisioterapia teria surgido em 1919, apesar de que alguns afirmam que já em 1879 se faziam uso de elementos físicos para distintos problemas de saúde, especialmente no que dizia respeito as lesões de trabalho na indústria. Mas somente em 1951 seria criado o primeiro curso para a formação de fisioterapeutas no país.

Já que 1963 é quando os cursos de fisioterapia tiveram reconhecimento e então a sua duração também acabou por ser aumentada, sendo agora de três anos. E no ano seguinte já era exigido um currículo mínimo para a atuação como fisioterapeuta em muitas organizações.

Houve um decreto no ano de 1969 que determinou a formação em fisioterapia por meio agora de curso superior. Sendo que cerca de seis anos após isso se criou também um Conselho o Brasil para fazer a regulamentação da profissão dentro do país.

Onde se aplica a fisioterapia

conceito de fisioterapia
Os procedimentos da fisioterapia podem ser manuais ou usar equipamentos

Um profissional de fisioterapia pode atuar em clínicas, hospitais, centros de reabilitação, em programas e ações de saúde e também em empresas (por meio da fisioterapia do trabalho). Mas além disso, aquele que possui formação na área também poderá exercer a docência, realizando trabalhos de pesquisa, extensão ou atuando na direção de cursos.

E há também fisioterapeutas que trabalham em indústrias de equipamentos esportivos e fisioterapêuticos.

Especialidade da fisioterapia

A fisioterapia possui algumas especialidades, sendo elas as listadas a seguir:

Quiropraxia: essa especialidade foca em diagnosticar e tratar aquilo que acomete o sistema musculoesquelético;

Osteopatia: utiliza técnicas de mobilização a fim de ajudar na recuperação e também no restabelecer das funções do corpo, ela então o ajuda a curar-se por si só;

Fisioterapia Pneumo Funcional: busca tratar e prevenir doenças respiratórias por intermédio dos métodos terapêuticos;

Fisioterapia Neuro Funcional: já essa especialidade conta com atuações no sistema nervoso central para a recuperação do mesmo;

Fisioterapia Traumato-Ortopédica Funcional: já essa especialidade foca na prevenção e na reabilitação dos órgãos e sistemas corporais preocupando-se em diagnosticar distúrbios cinético-funcionais.

Citação

SOUSA, Priscila. (17 de Julho de 2022). Conceito de fisioterapia. Conceito.de. https://conceito.de/fisioterapia