Conceito.de

Conceito de morfologia

Escutar o artigo

Morfologia é basicamente o estudo sobre a formação das palavras. Contudo, esse termo, com origem no latim, ainda teria outro significado, esse remetendo as ciências biológicas.

morfologia
O termo morfologia é usado para descrever o estudo da formação das palavras

A morfologia é uma palavra com origem no grego, com “morphe”, que vem de “morfo” e significa “forma”, e “logia”, que vem de logos e significa “estudos”, desse modo, a morfologia se trata do estudo sobre a forma, sobre a estrutura e também sobre a formação das palavras.

Também remetendo a morfologia, se tem o que é conhecido como morfologia social, que é algo que trata de estudar e fazer a classificação das estruturas ou das formas de vida sociais.

Morfologia em linguística

Em linguística, a morfologia se trata da área que cuida de estudar e fazer a classificação das palavras. Cabe a essa realizar o estudo das palavras de forma isolada e não fazendo a análise das mesmas dentro de um contexto como uma frase ou período.

A morfologia se agrupa em dez classes, as quais são denominadas de classes gramaticais, essas são: Artigo, Adjetivo, Conjunção, Substantivo, Verbo, Numeral, Pronome, Advérbio, Preposição e Interjeição.

Mais sobre a morfologia

Considera-se a morfologia como a primeira articulação da gramática, onde o vocábulo formal se trata do objeto de análise.

Desse modo, ela é a primeira articulação gramatical a realizar o estudo dos segmentos fônicos que possuem associação a uma significação léxica (que está associada a palavra) e suas formas. Com isso, a morfologia faz a sistematização em classes das unidades mínimas que possuem sentido segundo as características e funções que são comuns entre elas.

Palavras variáveis e invariáveis

Há um critério de classificação na morfologia que diz respeito as variações que a palavra pode possuir. Assim sendo, as classes estão organizadas em palavras variáveis e palavras invariáveis.

As palavras variáveis são aquelas que podem sofrer alterações segundo o gênero (masculino ou feminino), o grau (aumentativo ou diminutivo), o tempo (passado, presente ou futuro) ou mesmo segundo o número (singular ou plural), sendo: Adjetivo, Pronome, Verbo, Substantivo e Artigo.

Enquanto isso, as palavras invariáveis são aquelas que não sofrem modificações nem em número e nem em gênero, mas elas seguem com o mesmo formato, não importando qual o contexto no qual as mesmas se encontram ou independente também das palavras as quais estejam ligadas num arranjo de texto. E aqui há: Advérbio, Conjunção e Preposição.

Estrutura e formação de palavras

A estrutura e formação de palavras faz parte da morfologia, sendo que aqui se estuda sobre a formação de palavras com base em elementos como radical, sufixo, afixos e também desinências. Esses elementos fazem com que a estrutura das palavras seja mais similar.

Mas aqui é também estudado sobre a derivação e a composição, ambos processos para a formação das palavras.

Morfologia vegetal

conceito de morfologia
A morfologia vegetal cuida das estruturas e formas das plantas

Há ainda a chamada morfologia vegetal, que se trata de um conceito que surge na área da botânica. O foco dessa é se voltar para as formas e também para as estruturas das plantas.

Morfologia (biologia)

Na área das ciências biológicas, a morfologia se caracteriza pela ciência dedicada ao estudo da forma e estrutura dos organismos. E nisso estão inclusos os aspectos externos, tais como sua estrutura, cor e forma, assim como aspectos internos, que compreendem, por exemplo, os ossos e os órgãos. A morfologia atua com a fisiologia, ocupando-se em especial das funções dos organismos.

A morfologia na biologia pode se dividir em: Anatomia (que remete a visão macroscópica) e Histologia (essa se tratando da visão microscópica). E a mesma se trata de um importante instrumento com o objetivo de identificar e classificar as espécies.

É contado que o conceito que remete a biologia do termo morfologia teria sido criado no ano de 1790 pelo escritor alemão Johann Wolfgang von Goethe, posteriormente, o termo usado nesse contexto teria sido então confirmado por Karl Friedrich Burdach, no ano de 1800.

Os profissionais que atuam nessa área realizam suas atividades em especial em laboratórios voltados para a realização de pesquisas. Esses profissionais ainda costumam atuar em pesquisas para os laboratórios ou para instituições, sejam esses públicos ou privados, assim como realizam ensino em universidades e fazem pesquisas acadêmicas também. E para isso é necessário que o profissional possua formação (graduação) em na área biológica ou também em biomédica.

Especializações da morfologia

Dentre as especializações da morfologia na biologia se pode citar:

Morfologia funcional: essa ocupa-se em estudar sobre a relação entre estrutura e função das formas morfológicas;

Morfologia experimental: enquanto isso, a morfologia experimental, como o nome sugere, trata de estudar os fatores externos em relação a morfologia de organismos, mas sob condições experimentais;

Morfologia comparativa: por sua vez, essa trata de estudar sobre os padrões que existem no organismo e ainda serve de base para a taxonomia;

Morfologia vegetal: como o nome também aqui já sugere, a morfologia vegetal é a responsável pelo estudo sobre as estruturas dos organismos que são vegetais;

Morfologia externa: por fim, existe também a morfologia externa que é aquele que se preocupa em estudar sobre as partes externas de um organismo.

 

Citação

SOUSA, Priscila. (6 de Outubro de 2022). Conceito de morfologia. Conceito.de. https://conceito.de/morfologia