Conceito.de

Conceito de psicologia experimental

Entre a variedade de ramos e correntes da psicologia, a psicologia experimental é aquela que defende que as questões da psique podem ser estudadas através da observação, da manipulação e do registo das variáveis que têm influência no paciente. Trata-se, portanto, de recorrer ao método experimental.

A psicologia experimental tem a sua especificidade, na sua metodologia. Qualquer corrente psicológica que empregue o seu método (o experimental) poderá inserir-se no âmbito da psicologia experimental, independentemente do seu interesse central.

Vale ainda mencionar que na psicologia os conceitos são universais, ou seja, não ocorre a ambiguidade como em outras áreas da psicologia.

Uma dos pioneiros da psicologia experimental foi o físico alemão Gustav Theodor Fechner. Em 1860, Fechner já procurava provar o vínculo entre as grandezas físicas e aquelas que são próprias dos sentidos com base em dados experimentais.

No entanto, o laboratório pioneiro de estudo da psicologia experimental viria a chegar em 1879, pela mão do psicólogo alemão Wilhelm Wundt. Este também é considerado como um dos pontos-chave no nascimento da psicologia científica.

Os postulados de Wundt lideraram o academicismo até inícios do seculo XX; desde então, a metodologia introspectiva começou a ganhar impulso. Os ensaios científicos realizados com animais foram o seguinte passo da psicologia experimental, até à fundação do comportamentalismo. Esta disciplina considerava a psicologia como sendo a ciência do comportamento observável e externo.

De qualquer forma, a introspecção não deixou de se estudar. O estudo da percepção desenvolvido pela Gestalt na Alemanha estendeu-se para diversos campos, como a aprendizagem, o criativo e a resolução de problemas complexos. A psicologia da Gestalt centrava-se nas relações entre os estímulos e o contexto.

Alguns acreditam que fora Charles Darwin, naturalista, geólogo e biólogo britânico, quem iniciou com a psicologia experimental, através da sua publicação “Origem das Espécies”. Mas, não há como negar que fora o behaviorismo e outras ramificações da psicologia moderna quem contribuíram para compor a psicologia experimental.

Na psicologia experimental, para que se consiga chegar numa conclusão concreta, são utilizados distintos métodos científicos. É nisso que se foca esse tipo de psicologia. E ela é aplicada em áreas como educacional e social, por exemplo, utilizando conceitos como memorização e outros.

Em suma, enquanto outras ramificações da psicologia se focam em compreender o comportamento dos seres humanos e seus pensamentos, a psicologia experimental visa em realizar experimentos embasados em estatísticas e utilizando variáveis com o intuito de chegar a resultados precisos.

Vale ainda ressaltar que, após a Segunda Guerra Mundial, a psicologia experimental teve um declínio em várias partes do mundo e isso foi em decorrência da implementação da psicologia aplicada, a qual afastava-se de experimentos e se apoiava mais em narrativas. No entanto, em alguns países esse tipo de psicologia vem ganhando novos aliados, novos defensores. E dentre esses países estão Portugal, onde se tem alguns centros universitários que fazem experimentos com esse tipo de psicologia, dentre os quais: os laboratórios de Psicologia Animal (Prof. Doutor Armando Machado), de Neuropsicofisiologia (Prof. Doutor Óscar Gonçalves) da Universidade do Minho e de Cognição Humana (Prof. Doutor Pedro B. Albuquerque), por exemplo.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

colchão

O termo colchão refere-se a um elemento de forma retangular fabricado com materiais elásticos ou macios e que, localizado em...

Conceito de

coenzima

Coenzimas são componentes de enzimas. São substâncias orgânicas não proteicas que participam de reações catalisadas por...

Conceito de

colapso

O termo latino “collābi” que pode ser traduzido como cair, derivou na palavra “collapsu”. Essa palavra...

Conceito de

colágeno

O colágeno é uma proteína encontrada nos ossos, cartilagens e tecido conjuntivo. Secretado por certas células e presente em...

Conceito de

coincidência

Coincidência é o ato e o resultado de coincidir: acontecer ao mesmo tempo, estar de acordo, convergir. Coincidência também...

Conceito de

coexistência

Coexistência é a situação que ocorre quando um sujeito ou uma coisa existe ao mesmo tempo que outro ou outra. Coexistir, em...

Conceito de

foguete

A palavra foguete é um conceito que tem vários significados em nossa língua. Um foguete pode ser um dispositivo que se desloca...

Conceito de

coifa

O termo coifa provém do latim tardio “cofĭa” e faz referência a um tocado pequeno e de cor branca utilizado pelas criadas,...

ARQUIVOS