Conceito de ruralização


Fev 14, 16

O conceito de ruralização tende a ser usado para designar o processo de adopção de práticas e costumes rurais num meio urbano.

Para muitos sociólogos, a ruralização de uma cidade ocorre quando os imigrantes vindos de uma zona rural não se conseguem integrar tanto a nível cultural ou social como a nível económico. Deste modo, as pessoas reproduzem o modo de vida que tinham na região rural, agora na cidade.

A ruralização, deste modo, incide na formação dos cidadãos, que não adoptam os valores, as atitudes e os comportamentos considerados apropriados para o meio urbano.

Devido à ruralização, pode mudar o aspecto do espaço público de uma cidade, com habitantes que circulam pela rua junto de animais de granja ou que oferecem informalmente produtos agrícolas de manufactura caseira nas ruas, só para citar duas possibilidades.

A ruralização também pode modificar, pelo menos parcialmente, o perfil produtivo da zona urbana. Se os indivíduos que chegam do campo não conseguem arranjar emprego nas indústrias, é provável que acabem por tentar reproduzir os métodos de subsistência que tinham no seu lugar de origem. Deste modo, aumenta o número de habitantes da cidade que se dedicam ao cultivo de alimentos ou à criação de animais.

Ao longo da história, a ruralização a grande escala desenvolveu-se por várias vezes (por exemplo na Hispânia do século III).