Conceito.de

Conceito de cartografia

Escutar o artigo

Cartografia é uma área que se dedica ao estudo e a elaboração de mapas, tabelas, gráficos e também plantas. Cartografia deriva do latim “charta“, que significa “folha de papel” (anteriormente significava “folha de papiro”).

cartografia
A cartografia estuda e elabora mapas e outros materiais cartográficos

Os primeiros mapas produzidos datam de milhares de anos, sendo que conforme o tempo passa as técnicas para a elaboração desses materiais é aperfeiçoada.

Atualmente, a tecnologia é uma grande aliada para a elaboração de mapas e de outros materiais cartográficos. E nisso se pode destacar o uso de satélites, equipamentos que atuam com geoprocessamento e também softwares voltados para essa área.

Nos dias atuais, os serviços cartográficos utilizam as informações obtidas por meio de satélites. Aqui é feita a interpretação dos dados e em seguida o cartógrafo os organiza.

Num mapa, até mesmo as cores estão ali por um motivo. Sobre elas, existe um acordo internacional que determina o padrão de cores que os mapas devem utilizar.

Em 1996, a Associação Cartográfica Internacional (AIC), determinou a definição de cartografia. E essa definição é utilizada até os dias atuais em vários países.

O especialista que que dedica a elaboração de mapas e outros materiais cartográficos é chamado de cartógrafo.

História da cartografia

Conta-se que os primeiros mapas datam de antes mesmo de ter sido criada a escrita. O uso desses mapas era para indicar os locais de residência dos antigos.

As primeiras civilizações (que foram Grécia, Egito, Mesopotâmia e China) faziam o uso do mapa a fim de identificarem os limites de áreas que eram dominadas e para saber até onde eles teriam acesso para a ampliação das fronteiras do seu território.

E a cartografia ainda se tornaria algo de suma importância para as estratégias militares. Nesse caso, ele servia para a delimitação dos territórios, como citado, mas ainda era um auxiliar na conquista de novos povos.

Foi nas escolas de Alexandria e Atenas quando o sistema cartográfico moderno se iniciou. Mas naquele período os responsáveis ainda não possuíam muitos recursos para a elaboração desses materiais, logo, não havia muita precisão.

Mas mesmo sem tanta precisão, havendo mapas com problemas de proporção, viajantes e comerciantes tinham esses mapas para os orientar nas suas viagens.

Tempos mais tarde surgiriam mapas com maior precisão, como foi o caso das Cartas Portulanas. As Cartas Portulanas foram criadas no século XIII e ajudaram em diversas navegações, com o uso também das bussolas como auxiliadoras.

Nos séculos XV e XVI, quando ocorreram as Grandes Navegações, as expedições passaram a dispor de um cartógrafo, que ajudava a evitar que os navegantes se perdessem no mar. Foi nesse período ainda que tanto portugueses quanto espanhóis aprendera mais sobre o mundo e representava isso em mapas.

Aerofotogrametria e a cartografia

Com a chegada do século XX, as técnicas usadas para a elaboração de materiais referentes a cartografia passaram por melhorias.

E um dos responsáveis por essas melhorias foi a aerofotogrametria, um processo, aplicado ainda no começo daquele século, que realizava a captura de imagens da superfície da Terra com o uso de uma câmera qual se integrava a uma aeronave ou a um balão. Essa técnica foi aperfeiçoada ao longo das duas Guerras Mundiais.

Alguns dos mapas mais antigos

conceito de cartografia
Viajantes e comerciantes usavam os mapas como orientadores em suas viagens

Como os seres humanos tinham a necessidade cada vez maior de conhecer os espaços onde residiam e outros que queriam explorar ou dominar, muitos mapas fora criados e há registros de vários deles. Inclusive, há mapas que são datados de milênios atrás.

Um exemplo de mapa antigo é o conhecido por mapa de Ga-Sur. Esse mapa foi catalogado entre os anos de 4500 a.C. a 2500 a.C., sendo um dos mais antigos catalogados. Conta-se que foram os babilônios os responsáveis por sua elaboração. O mapa de Ga-Sur foi descoberto no local onde estava a Mesopotâmia.

Outros mapas teriam sido descobertos em ilhas da Ásia e do Pacífico. Mas estudiosos acreditam que ainda existam muitos mapas e outros materiais cartográficos que podem ser descobertos em vários locais da Terra.

Utilidades da cartografia

Existem muitas utilidades para a cartografia. E a primeira e mais conhecida utilidade é para a identificação de um referencial na Terra, podendo representar desde locais de maior extensão (países) até algo mais específico, como no caso de uma cidade ou bairro.

Também, a cartografia auxilia nos deslocamentos. Ela serviu de apoio para os GPS atualmente, ajudando a orientar as pessoas e veículos no espaço, por exemplo.

Através da cartografia é possível ainda elaborar vários materiais que ajudam a compreender as diferentes características do espaço físico. E esse é o caso do relevo, da hidrografia, do clima, dos tipos de solo, localização dos biomas, entre outros.

No que a cartografia ainda auxilia é na espacialização das informações geográficas, as quais são essenciais para tomar decisões que dizem respeito a gestão e ao planejamento e política, por exemplo. Com a ajuda deles, logo, se pode tomar decisões mais assertivas no que diz respeito aos âmbitos social, econômico e político.

Citação

SOUSA, Priscila. (5 de Janeiro de 2023). Conceito de cartografia. Conceito.de. https://conceito.de/cartografia