Conceito.de

Conceito de óxido

Óxido, um termo que provém de um vocábulo grego que significa “ácido”, é o composto químico que surge com a combinação do oxigénio e de um metal ou um metalóide. Também se chama óxido (vulgarmente chamado “ferrugem”) à camada de várias cores que se forma na superfície dos metais devido à oxidação.

Os óxidos podem encontrar-se em estado sólido, líquido ou gasoso à temperatura ambiente. Aos óxidos que têm um único átomo de oxigénio dá-se-lhes o nome de monóxidos. Se tiverem mais de um átomo de oxigénio, passam a denominar-se segundo os prefixos numéricos gregos: com dois átomos de oxigénio, dióxidos; com três átomos de oxigénio, trióxidos; etc.

O estado de oxidação é a quantidade de electrões que um átomo adquire ou cede numa reacção química para alcançar uma certa estabilidade. Os peródixos são substâncias com uma união oxigénio-oxigénio em estado de oxidação -1. Os superóxidos, por sua vez, são compostos binários.

Outra classificação dos óxidos prende-se com o comportamento químico. Os óxidos básicos formam-se pela combinação de um metal e de oxigénio. Juntando-se água, formam hidróxidos básicos. Os óxidos ácidos derivam de um não-metal e do oxigénio. Com a água, formam oxácidos. Os óxidos anfotéricos, por fim, têm a participação de um elemento anfótero (óxidos capazes de actuar como ácidos ou bases dependendo da reacção).

No que diz respeito à estequiometria do composto, pode-se falar de óxidos binários (a combinação do oxigénio e de outro elemento) ou de óxidos mistos (formados pelo oxigénio e dois outros elementos diferentes).