Conceito.de

Conceito de rendimentos

Escutar o artigo

Do verbo “render”, o termo rendimento é do foro económico e diz respeito àquilo que uma pessoa ou uma coletividade (bancos, instituições de crédito, etc.) aufere ou recebe, seja em géneros ou em dinheiro, como fruto de um capital investido (juros sobre um empréstimo ou um crédito, dividendo sobre um capital) ou como sendo a remuneração de uma atividade comercial, produtiva ou ainda laboral (o salário).

rendimento
Relógio, dinheiro e gráfico

Postos noutros termos, o rendimento é também o lucro ou o proveito que se obtém: “Trabalho dez horas por dia, mas os meus rendimentos não chegam para quase nada”, “A forte procura permitiu-nos incrementar os rendimentos da empresa e, por conseguinte, aumentar os salários do pessoal”, “Eu bem gostaria de poupar dinheiro para comprar um automóvel mas, como estes rendimentos, é praticamente impossível”.

Numa economia capitalista, o nível de rendimentos está associado à qualidade de vida. Quanto maiores forem os rendimentos, mais as pessoas têm a possibilidade de contribuir ao consumo e à poupança. Pelo contrário, com rendimentos escassos ou nulos, as famílias vivem com muitas dificuldades e não conseguem satisfazer as suas necessidades materiais. A pensar precisamente nas famílias com escassos recursos económicos, está previsto o chamado rendimento social de inserção, que é uma prestação paga pelo Estado com vista a promover a inserção social das mesmas.

Entende-se por rendimento disponível aquele que fica à disposição de um agente económico uma vez pagos os impostos directos e as quotizações sociais, e depois de recebidos os subsídios e os abonos.

De entre as diversas classificações de rendimentos, mencionaremos os rendimentos ordinários (obtidos de forma habitual e previsível, como acontece com o salário) e os rendimentos extraordinários (recebidos na sequência de um evento especial, como um prémio ou ainda uma herança).

Rendimento escolar

Fala-se de rendimento também no âmbito escolar, com o mesmo referindo-se ao aproveitamento que o aluno teve ao longo do ano ou semestres, por exemplo:

– Viu como o Paulo teve um baixo rendimento escolar este ano?

– Os exames que o Marcelo fez mostraram que ele teve um bom rendimento escolar neste ano, pois todos tiveram resultados positivos, diferente do que foi ano passado.

Mas o rendimento escolar não diz respeito apenas quando esse aluno é avaliado em exames ou provas escritos, senão também quando são feitas outras atividades para avaliar o conhecimento que ele adquiriu.

Um aluno pode ter maior ou menor capacidade para adquirir aprendizado, sendo que isso depende de distintos fatores, tais como a inteligência, um fator que mostra-se como um dos mais essenciais.

Testes psicológicos também tem sido utilizados para medir o desempenho escolar dos alunos, esse rendimento escolar, desde o século XX, onde tais testes avaliam a inteligência e também a dificuldade de aprendizado que cada aluno possui.

Ainda, outros estudos observaram que o rendimento escolar também tinha relação com a fase de desenvolvimento que o aluno se encontrava, em outras palavras, a idade influencia nos desafios que o aluno poderia superar, o que corresponderia à sua fase de desenvolvimento.

Coeficiente de rendimento acadêmico

Conceito de rendimento
Jovem estudando

Nas universidades, é comum o uso do que se chamada de coeficiente de rendimento acadêmico (das siglas CRA ou CR), que mede o desempenho acadêmico dos estudantes, sendo calculado todos os semestres através de indicadores.

O coeficiente de rendimento acadêmico é algo importante para os estudantes universitários porque traz tanto oportunidades de estágio, como também de intercâmbio e no ingresso numa pós-graduação.

Alguns profissionais de Recursos Humanos (RH) analisam esse coeficiente a fim de encontrar os melhores estagiários.

Instituições que fomentam e que financiam pesquisas acadêmicas podem usar o coeficiente de rendimento acadêmico também com o propósito de fazer a avaliação do mérito de estudantes para conceder bolsas ou mesmo oportunidades de intercâmbio. E tanto faculdades públicas quanto as particulares podem usar esse coeficiente para analisar os alunos quando querem disponibilizar vagas em doutorados, mestrados, etc.

Rendimento esportivo

Por fim, podemos também falar de rendimento esportivo ou mesmo de rendimento na prática de exercícios, o que se configura na possibilidade de um indivíduo em expressar as seus potenciais físicos. O rendimento esportivo pode ser definido também como os resultados que o desportista obtém em função do uso dos recursos que ele possui.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (16 de Agosto de 2012). Conceito de rendimentos. Conceito.de. https://conceito.de/rendimentos