Conceito.de
Conceito de

Variação

Variação se trata do ato ou efeito de variar. O termo, do latim variatio, remete a mudança ou alteração de algo quanto a sua característica particular ao longo do tempo, mas ainda com base em condições e espaço.

variação
O termo variação designa aquilo que muda com base na sua característica particular (do seu padrão)

A variação tende a compreende uma extensa gama de acontecimentos, tais como: variações econômicas, variação climática e alterações genéticas.

No que diz respeito a estatística, variação remete a dispersão dos dados em volta de uma medida central, a exemplo da média ou a mediana.

Em ciências naturais e sociais, o entendimento da variação é crucial para compreender também sobre padrões, tendências e razões subjacentes aos fenômenos observados.

A análise da variação auxilia para detectar fatores que impactem nos sistemas e para antecipar possíveis consequências. Desse modo, a variação é uma parte crucial da dinâmica e diversidade do mundo que rodeia as pessoas.

Se tem pouco tempo, veja o índice ou o resumo com os pontos-chave.

Variação linguística

Variação linguística compreende a diversidade de formas de expressão que há em uma língua. Ela seria fruto de fatores como regionalismo, classe social, etnia e também do contexto situacional.

A mesma compreende variações fonéticas, sintáticas, léxicas e também morfológicas que sucedem dentro de uma língua, se mostrando através de: distintos sotaques, gírias, vocabulários característicos, entre outros.

Elementos como cultura, história e também contatos linguísticos numa comunidade podem influenciar tais variações. E isso poderia refletir a riqueza e a complexidade de uma linguagem.

O estudo da variação linguística é importante para o entendimento do uso da língua de maneira diversa e dinâmica por variados grupos de falantes em distintos contextos sociais e culturais.

Variedades estilísticas

Chamam-se de variedades linguísticas as alterações segundo o grau de formalidade. Isso quer dizer que há distinção na língua, com ela mudando entre a linguagem formal ou uma linguagem informal.

Linguagem formal é aquela utilizada em situações onde a comunicação seja formal, a exemplo de palestras, congressos, reuniões empresariais, entre outras.

Já a linguagem Informal é aquela usada nas situações onde haja comunicação informal, a exemplo de reuniões de família, encontro com amigos, etc. Nesses casos, existe o uso da linguagem coloquial.

Por fim, existe ainda a gíria ou jargão. Esse se caracteriza por um tipo de linguagem usada por um certo grupo social. E isso faz com que se diferencie dos outros falantes da língua. A gíria é frequentemente ligada à linguagem de grupos de jovens (como é o caso de skatistas, surfistas, rappers e outros). O jargão é, de modo geral, ligado à linguagem de grupos profissionais (professores, médicos, advogados, entre outros.)

Variação na economia

Na economia, variação compreende as flutuações em indicadores econômicos ao longo do tempo, a exemplo do Produto Interno Bruto (PIB), taxa de juros, inflação, índice de desemprego e balança comercial.

E existem diversas causas para essas variações, a exemplo das mudanças na oferta e demanda, condições climáticas, políticas governamentais, eventos geopolíticos, choques externos, entre outros.

A compreensão sobre a variação econômica é essencial para os formuladores de políticas, investidores e relacionados, já que afeta o crescimento da economia, o nível de emprego, o poder de compra de uma moeda e também o bem-estar geral da sociedade. Estratégias para reduzir riscos e políticas de estabilização são comumente aplicadas a fim de lidar com a volatilidade e insegurança ligadas à variação econômica.

Na ciência e tecnologia

Na ciência e tecnologia, variação se trata da variedade de resultados experimentais ou observações que sucedem na investigação de um dado fenômeno. Essa variação tende a surgir por causa de uma série de fatores, a exemplo de variações em condições experimentais, dúvidas quanto aos instrumentos de medição, diferenças em amostras estudadas ou mesmo aleatoriedade própria dos processos naturais.

Entender e quantificar essa variação é crucial para a validade e credibilidade dos resultados científicos. Métodos estatísticos são comumente usados para investigar sobre a variação e designar a significância estatística dos resultados.

Na tecnologia, a variação refere-se às diferenças em produtos ou processos, por vezes ligadas a tolerâncias de fabricação, impactando na qualidade e desempenho dos produtos. O gerenciamento e minimização da variação é importante para assegurar a consistência e a confiabilidade em resultados científicos e nos produtos tecnológicos.

Ainda falando de variação em tecnologia, há como citar as ferramentas digitais. Existem softwares de variados tipos e versões, com variações em suas funcionalidades que ajudam a tornar o processo mais adequado e ágil, a depender do contexto.

Variação em diferentes contextos

conceito de variação
Variação é um termo que se pode aplicar em diferentes contextos, como a variação de cor

Se pode ainda falar em variação em contextos dos mais variados, como é o caso da variação de tonalidade na música, sendo a mudança do uso da escala sobre a qual uma música fundamenta a sua harmonia.

Há ainda a variação de cor, de timbre, de textura, de intensidade numa voz, variação de espécie de planta, de espécie animal, também a variação de modelos de produtos, entre outras.

A variação é algo que torna as coisas mais organizadas e personalizadas. Através dela se pode ter mais opções para selecionar e adequar um contexto.

Citação

SOUSA, Priscila. (1 de Abril de 2024). Variação - O que é, na economia, conceito e definição. Conceito.de. https://conceito.de/variacao