Conceito.de

Conceito de amortização

Escutar o artigo

Amortização é um termo da economia que descreve o pagamento parcial ou gradual de uma dívida. Nesse processo, cada parcela paga é parte do valor total dessa dívida. O uso desse termo é comum no mercado financeiro, usado especialmente quando se fala de empréstimo ou de financiamento.

amortização
Amortização é o reduzir de uma dívida com seu pagamento parcial ou gradual

Na amortização há o prazo para pagamento da dívida, que é o tempo em que se deve devolver o que pegou emprestado, há também as parcelas de amortização, que se tratam do valor que deve ser devolvido de forma periódica, e há também as prestações, que é a amortização acrescida dos juros e demais taxas.

Exemplo de caso de amortização

A amortização é o processo de reduzir o valor total de uma dívida através de pagamentos feitos periodicamente. E tais pagamentos podem ser variados ou também fixos, sendo que o atraso neles pode acarretar em juros.

Para um melhor entendimento, vejamos o seguinte exemplo:

– Se há um credor que empresta dinheiro, quando esse credor recebe de volta a quantia que emprestou, então a isso se dá o nome de amortização. Assim, a parte devedora (a pessoa que tomou esse empréstimo) devolveu ao credor o que pegou emprestado, podendo ser em parcelas ou a quantia total. E isso também acontece com investimentos, quando a pessoa que pega um dinheiro emprestado de um investidor o devolve depois, seja total ou parcialmente.

Para simplificar ainda mais, pensemos num empréstimo de dinheiro que alguém faz com um banco. Nesse caso, a quantia é dividida em prestações para que o cliente pague, sendo que sobre essas parcelas já incidirão os juros e taxas. E conforme as parcelas são pagas por esse cliente, então a dívida tende a diminuir. Posto isso, a amortização é justamente isso, a redução da dívida através desse pagamento.

Amortizar parcelas

conceito de amortização
Com a amortização reduz-se o prazo e também os juros de uma dívida

E quando se fala de amortização de parcelas, na prática isso se refere ao antecipar das parcelas de uma dívida a fim de reduzir o valor inicial dela. Com isso, o propósito com essa ação é reduzir os juros da dívida e também o tempo que levará para quitar o empréstimo ou financiamento.

Sistemas de amortização

Então, entendeu-se que a amortização é o adiantar das parcelas finais para, com isso, obter a redução do tempo em que terá que quitar o financiamento ou empréstimo, assim como poder conseguir também a redução dos juros que incidem sobre ele (mas isso é estabelecido pela instituição financeira).

E há diferentes sistemas de amortização, onde os mais conhecidos são o sistema de amortização americano e o francês. Veja a seguir alguns desses sistemas e suas características:

Sistema de Pagamento Único: esse é um método onde o pagamento da quantia acontece de uma vez só, sendo uma parcela onde é somado o valor da dívida e os juros;

Sistema Alemão: esse sistema de amortização foca na ideia do pagamento antecipado dos juros para a liquidação da dívida, tendo parcelas iguais. Mas a primeira parcela é diferente, pois trata-se dos juros que são cobrados posta a operação financeira. Mas esse sistema é pouco usado e quando acontece é aplicado em empréstimos que são feitos para quitação no longo prazo.

Sistema de Pagamento Variável: esse é um sistema que trabalha com pagamentos periódicos de valores que variam, segundo a condição do devedor. O Sistema de Pagamento Variável é o mais utilizado pelas empresas de cartões de crédito (esse é o conhecido crédito rotativo);

Sistema de Amortização Constante (SAC): O SAC ou método SAC caracteriza-se pelo valor da amortização sendo igual em cada prestação ao longo de todo o período. A quantia paga nos primeiros meses nesse método de contrato costuma ser mais alta, contudo, ela diminui com o passar do tempo. Esse é um tipo de amortização que usa o que é conhecido como “juros sobre juros”. Esse é o método mais usado em financiamentos;

Sistema PRICE: o PRICE é um sistema francês que se caracteriza por valores constantes ao longo de todo o período até quitar o financiamento ou empréstimo. Assim, quando se contrata um empréstimo que aplica esse método, então já se sabe quis serão os valores de cada parcela e dos juros ao longo do período. Esse é método é um dos mais usados no Brasil;

Sistema Americano de Amortização (SAA): nesse sistema o cliente/devedor deve pagar os juros em períodos que são pré-estabelecidos, já o pagamento do valor da dívida deve ser realizado numa única parcela, a qual é estabelecida no final desse contrato;

Sistema de Amortização Misto (SAM): como o próprio nome já sugere, nesse sistema é feita uma mescla do SAC e do PRICE. Logo, ele apresenta características intermediárias desses dois, sendo que a parcela que o devedor terá que pagar nesse sistema é a média entre ambos os sistemas.

Citação

SOUSA, Priscila. (25 de Março de 2022). Conceito de amortização. Conceito.de. https://conceito.de/amortizacao