Conceito.de
Conceito de

Cartão de crédito

Cartão de crédito é uma forma de pagamento que libera um limite para o cliente usar e pagar depois. E esse pagamento geralmente é feito em parcelas (a quantia é dividida por um determinado número de meses) ou à vista (quantia paga em sua totalidade).

cartão de crédito
Com o cartão de crédito se pode adquirir produtos ou serviços sem dispor de dinheiro no momento

Assim como o nome já sugere, esse cartão usa um limite de crédito que é fornecido por uma instituição financeira. E o crédito liberado se enquadra na modalidade chamada de crédito pessoal, que nada mais é do que um crédito disponibilizado por bancos ou outras instituições para a realização de projetos pessoais.

O cartão de crédito se trata de uma das modalidades de pagamento mais utilizadas em todo o mundo. E há os cartões nacionais e os internacionais. Os cartões internacionais permitem realizar compras em praticamente qualquer país, pagando na moeda local.

Se você tem apenas alguns segundos, leia estes pontos chave:
  • O cliente pode solicitar um cartão de crédito com seu banco ou com uma startup financeira. A empresa avalia a capacidade de pagamento do cliente antes de emitir o cartão.
  • O cartão de crédito virtual é uma opção segura para compras online. Pode ser bloqueado ou substituído se os dados forem comprometidos.
  • O limite de crédito é a quantia máxima que o cliente pode gastar. Conforme o cliente faz compras, o limite diminui e é restaurado quando a fatura é paga.
  • Há várias taxas associadas ao uso de um cartão de crédito, incluindo anuidade, taxas de emissão de segunda via, taxas de saque e tarifas de parcelamento. Se a fatura não for paga até a data de vencimento, serão aplicados juros e multas.

O funcionamento do cartão de crédito

Um cliente pode solicitar um cartão de crédito diretamente com seu banco ou, devido as plataformas digitais financeiras existentes hoje, por meio também de alguma startup focada em soluções financeiras. Mas existe antes uma análise de crédito, onde a empresa avalia se aquele cliente seria um bom pagador e, em resposta positiva, libera o cartão de crédito para ele.

Com o cartão, o cliente, usando uma senha ou o sistema de contactless, por aproximação, adquire um produto ou contrata um serviço, seja de forma presencial ou pela internet.

No caso de compras presenciais, o cliente deve passar o cartão por uma máquina de cartão do estabelecimento comercial. Essa maquininha está configurada e quando o cartão passar ali, com o cliente usando a senha ou pagando por aproximação, a quantia cai na mesma hora na conta do estabelecimento. Em outros casos, a conta caia a conta, mas o estabelecimento deve aguardar alguns dias para que ocorra a liberação.

O cliente então terá alguns dias para pagar essa conta. Por exemplo: se o cartão de crédito possui vencimento da fatura (um boleto para pagar o cartão) todo dia 15, então se esse cliente comprar antes dessa data a compra virá no mesmo mês, mas ele comprar depois dessa data, ele viria no dia 15 do mês seguinte.

A fatura chega no endereço do cliente ou no e-mail dele todos os meses. E nela há a quantia que o cliente terá que pagar, assim como um detalhamento dos gastos do mês.

Cartão de crédito virtual

O cartão de crédito virtual é uma opção para quem adquire produtos e serviços online. Por meio dele há como realizar compras com mais segurança, já que se pode bloquear esse cartão ou excluí-lo e gerar outro em caso de alguém ter descobertos seus dados.

Hoje em dia, quase todas as empresas que atuam com soluções financeiras e oferecem cartão de crédito disponibilizam essa opção.

O limite do cartão

Diferente de um cartão de débito, onde o cliente adquire produtos usando o dinheiro que possui, com o de crédito esse cliente usa o limite oferecido pelo banco. E a esse limite dá-se o nome de limite de crédito.

O limite nesse caso serve para limitar o quanto uma pessoa pode gastar usando o cartão de crédito.

Um exemplo seria se uma pessoa tivesse um cartão de crédito com 1.000 de limite, assim, essa pessoa poderia usar apenas essa quantia. Se ela comprar uma caixa de som que custa 200, então sobraria apenas 800 de limite. Conforme ele gasta, então o limite reduz, com ele voltando ao que era de acordo com o pagamento da fatura, seja à vista ou parcelado.

É comum que as instituições financeiras que liberam o cartão de crédito ofereçam também um cartão de débito. E é comum que haja apenas um cartão com ambas as funções, desse modo, quando o cliente realizar uma compra deve escolher a função débito ou crédito. O limite liberado se baseará no score de crédito.

Tarifas do cartão

conceito de cartão de crédito
O cartão de crédito pode cobrar tarifas, taxas e anuidade

Logo quando o cartão de crédito se popularizou, era comum que quase todos cobrasse anuidade. A anuidade é uma quantia cobrada anualmente ou que pode ser dividida por x quantidades de meses, assim o cliente teria acesso ao cartão e mais benefícios. Mas hoje em dia já existem muitos cartões desses que não cobra anuidade.

Mas existem ainda tarifas referentes a emissão de uma segunda via do cartão no caso de perda ou roubo. Há bancos, ainda, que cobram tarifa quando o cliente precisa sacar usando seu cartão de crédito.

Outro tipo de cobrança que pode haver seria na hora da compra. Há estabelecimentos que não oferecem parcelamento sem juros, desse modo, o cliente pagaria uma quantia extra para parcelar uma compra. A tarifa de parcelamento varia de estabelecimento para estabelecimento.

E se o cliente não pagar a fatura até a data de vencimento, então incidirão juros e multas. E em caso do prolongamento desse não pagamento, há o risco de ter o cartão de crédito cancelado e o nome negativado junto aos órgãos de proteção ao crédito.

Citação

SOUSA, Priscila. (8 de Janeiro de 2024). Cartão de crédito - O que é, funcionamento, conceito e definição. Conceito.de. https://conceito.de/cartao-de-credito