Conceito.de
Conceito de

Educação inclusiva

Educação inclusiva é uma abordagem de ensino focada em proporcionar oportunidades iguais para todos os alunos. Não importa quais sejam as capacidades ou limitações deles, nem suas origens ou necessidades individuais, essa educação garante que todos serão recebidos e participarão de aulas regulares.

educação inclusiva
A educação inclusiva concede oportunidades iguais de aprendizado para todos

Na educação inclusiva, todos os alunos frequentam a escola e ali têm aulas regulares, que são adequadas à sua idade. Nesse ambiente escolar, eles são apoiados para que aprendam e participam de diferentes atividades que ajudem no desenvolvimento de suas habilidades, no conhecimento e demais aspectos da vida escolar.

A educação inclusiva ressalta que cada aluno é único, tendo as suas habilidades, suas necessidades e também as suas origens. E tal abordagem é algo que ampara a diversidade e enxerga as diferenças de cada um como pontos fortes, ao invés de desafios.

E com a valorização da diversidade, os professores seriam capazes de ajudar no desenvolvimento de um ambiente de aprendizagem onde haja respeito mútuo, compreensão e também empatia entre os alunos. Com tudo isso, se promoveria então uma coesão social e diminuição do preconceito.

Ainda, são alvos dessa educação a concessão de um clima positivo, a promoção do sentimento de pertencimento e o assegurar do progresso do aluno rumo aos objetivos pessoais, emocionais e acadêmicos adequados.

Mas para que haja esse ambiente inclusivo para os alunos, todos precisam participar. Logo, não é somente papel da escola e dos professores, como ainda dos pais e da comunidade, assim como é importante a colaboração entre os alunos. Com essa inclusão de tais partes no processo de planejamento e implementação de práticas, então há como garantir abordagens que supram as necessidades dos alunos.

Acessibilidade, aprendizagem colaborativa, apoio pedagógico, respeito às diferenças, desenvolvimento inclusivo, integração social, inclusão digital, softwares educacionais, adaptação curricular e outros são algumas ações e recursos importantes nesse contexto.

Se tem pouco tempo, veja o índice ou o resumo com os pontos-chave.

Sobre a inclusão

Mas para entender melhor o conceito de educação inclusiva, é importante também entender o que é inclusão.

A inclusão remete ao processo de assegurar a participação igualitária dos indivíduos em variadas esferas da sociedade, não importando quais sejam as suas diferenças, limitações ou características particulares.

Essa inclusão abarca a criação não somente de ambientes e políticas, mas ainda de práticas que reconheçam, deem valor e respeitem a diversidade dos seres humanos em todas as suas formas, tais como origem, etnia, crença, habilidades ou limitações físicas ou cognitivas, idade, gênero, etc.

Mas para isso ações teriam que ser tomadas, tais como: remover barreiras à aprendizagem, além de barreiras físicas, sociais e culturais que poderiam gerar a exclusão determinados grupos ou deixá-los a margem da sociedade. E desse modo se promoveria a igualdade de oportunidades e também o exercício dos direitos de todos aqueles que fazem parte de uma sociedade.

Sobre as características da educação inclusiva

conceito de educação inclusiva
Uma educação inclusiva atua para que todos os alunos façam parte de atividades e aprendam

A educação inclusiva trata da forma como as escolas, salas de aula, programas e atividades estudantis são desenvolvidas. E com isso se garantiria que todos os alunos aprenderiam e participaram de atividades de forma harmoniosa, não importando suas limitações.

Essa educação volta-se para assegurar o acesso a uma educação de qualidade para todos os alunos. E assim ela satisfaz eficazmente as distintas necessidades de cada um com receptividade, respeito e solidariedade.

A fim de remover as barreiras que levariam a exclusão, os alunos com alguma limitação, seja ela física ou intelectual, participam de programas educativos dentro de um ambiente de aprendizagem comum, interagindo com outros alunos.

É muito importante que essa educação aconteça em num ambiente de aprendizagem comum, ou seja, um local voltado para a educação onde estudantes de variadas origens e com distintas habilidades aprendem juntos, compondo um ambiente inclusivo.

Os ambientes de aprendizagem desse tipo, onde são compreendidos todos os alunos, independente das suas limitações, são usados para a boa parte das horas regulares de instrução e podem incluir locais como: salas de aula, bibliotecas, também o ginásio, salas de música, refeitórios, local onde funciona um teatro, parques infantis e mesmo a comunidade local.

A educação inclusiva não acontece apenas em sala de aula, mas em qualquer espaço voltado para o ensino.

Desse modo, um ambiente de aprendizagem comum não se trata de um local em que os alunos com deficiência intelectual ou demais tipos de necessidades especiais aprendem distantes dos demais.

Discussões sobre o real sentido de educação inclusão

Há muitas opiniões desiguais sobre o real significado de inclusão e como ela deve ser alcançada.

Há quem acredite que inclusão, nesse contexto, quer dizer que todas as crianças seriam educadas nas mesmas escolas, não importando as suas deficiências ou dificuldades relacionadas a aprendizagem.

Já outros creem que a inclusão significa que aquelas crianças com deficiência ou algum tipo de dificuldade teriam que ser educadas em escolas ou turmas separadas. E aqui entrariam as escolas especiais.

Quanto a educação especial, nela o ensino é voltado para alunos que tenham alguma deficiência. Para eles, há materiais e aulas especialmente elaborados segundo as suas limitações.

Enquanto isso, na educação inclusiva, os alunos, sejam eles com e sem deficiência, convivem em harmonia e aprendem todos juntos.

Citação

SOUSA, Priscila. (29 de Março de 2024). Educação inclusiva - O que é, características, conceito e definição. Conceito.de. https://conceito.de/educacao-inclusiva