Conceito.de

Conceito de erotismo

Os Gregos usavam a palavra érōs para se referir à paixão aplicada ao amor e ao desejo sensual. Esse sentimento também era representado através do deus Eros. Em português, o termo erotismo conota e denota simultaneamente tudo o que se relaciona com a sexualidade, tanto no que diz respeito ao mero acto sexual de desenvolvimento carnal como às suas projecções.

O erotismo costuma vir associado conjuntamente com a libido, já que se trata de tudo aquilo que provém da região libídica e que não se dissocia do sexo nem do amor. Porém, existe alguma oposição entre o amor erótico e o amor marcado pelo romantismo, tendo em conta que este se tornou a associação principal do amor em geral (tem carácter altruísta e, de acordo se sustenta, exalta a sensualidade).

Posto isto, poderíamos deduzir que, hoje em dia, sempre que se fala de erotismo, está-se a identificar aquilo que é o desejo sexual e sensual, ao passo que o amor se prende com os sentimentos, com a profundidade da alma e com aquilo que está além da simples aparência.

No entanto, embora se concorde que se trata de conceitos separados, não se pode negar que, ao fim ao cabo, são complementares em muitas ocasiões. Além do mais, em qualquer relacionamento baseado no amor, o erotismo também está presente, uma vez que o amor sentimental acaba por dar lugar ao desejo carnal, à paixão física.

Por mais estranho que pareça, o erotismo esteve sempre presente na religião e nos sistemas de crenças. No catolicismo, os textos místicos de São João da Cruz incluem uma retórica carregada de erotismo atribuído à divindade. Por outro lado, noutras religiões, existia um costume que poderia perfeitamente definir-se como uma espécie de prostituição de índole sagrada que se estendeu até à Grécia Antiga. Sem esquecer, obviamente, de mencionar o famoso livro do Kama Sutra, uma sublimação da sexualidade pertencente ao hinduísmo.

Neste sentido, também não podemos ignorar o facto de que, sempre que falamos de erotismo, também estamos a fazer referência ao que é a exaltação do amor físico no âmbito artístico, seja na literatura, no cinema, no teatro, na pintura ou na escultura. Desta forma, entre os vários exemplos de erotismo que possam existir nestas áreas, podemos destacar filmes como Instinto Fatal (1992) ou Nove Semanas e Meia (1986), telas como A maja nua de Goya ou O Banho Turco de Ingres, ou esculturas como O Beijo ou O Banho de Vénus, ambas da autoria de Rodin.

Convém destacar que as motivações eróticas de um indivíduo, ou o interesse sexual que um objecto pode criar em alguém costumam ser qualificados com o adjectivo sexy, um termo de origem inglesa. O erotismo também pode ser confundido com o fetichismo, que é um desvio da libido projectado em determinados objectos ou em certas partes do corpo.

No que diz respeito ao erotismo na literatura, um dos seus principais precursores é o Marquês de Sade, quem foi condenado por desenvolver em público actos de libertinagem e por complementar os seus interesses sexuais com reacções violentas.

Tudo isso sem esquecer que, depois deste expoente, viriam a seguir muitos e variados livros inflamados de foro erótico. Dessas obras, destacam-se, por exemplo, Lolita (1955) de Vladimir Nabokov ou, mais recentemente, A Casa dos Budas Ditosos (1999) de João Ubaldo Ribeiro.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

eixo terrestre

A noção de eixo tem mais de uma dúzia de significados. Pode ser a haste que sustenta um corpo enquanto ele gira, passando por...

Conceito de

égide

Égide tem origem na palavra latina “aegĭde” que significa o escudo de Júpiter ou o escudo de Minerva. De acordo...

Conceito de

écloga

Uma palavra grega que pode ser traduzida como escolha, chegou ao latim como “eclŏga” que em português se converteu...

Conceito de

Idade Antiga

Com origem etimológica na palavra latina “aetāte”, idade pode se referir a diferentes questões. Neste caso, vamos...

Conceito de

efusivo

O adjetivo efusivo é usado para qualificar aquilo ou aquele que manifesta ou revela efusão: ímpeto, vigor ou expansão nos...

Conceito de

efluente

A Michaelis, em seu Dicionário Brasileiro da Língua Portuguesa, define um efluente como um resíduo (em forma de fluido ou...

Conceito de

efeméride

A palavra grega “ephemerís”, que se refere ao que é próprio de um dia, derivou no latim “ephemerĭde”...

Conceito de

edema

A palavra grega “oidema” chegou ao nosso idioma como edema. O termo é usado no campo da medicina para se referir à...

ARQUIVOS