Conceito.de

Conceito de galáxia

O conceito de galáxia provém do latim galaxias que, por sua vez, deriva de um termo grego. De acordo com o Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, uma galáxia é um conjunto de grande dimensão constituído por uma quantidade variável de estrelas, planetas, poeira interestelar, gases e partículas.

Dentro das galáxias existem várias subestruturas, como as nebulosas, os cúmulos estelares e os sistemas estelares múltiplos. Desde a Terra, todas as estrelas que são visíveis a olho nu pertencem à nossa própria galáxia, isto é, à Via Láctea.

As estrelas que fazem parte de uma galáxia mantêm uma interacção gravitacional e orbitam em torno de um centro comum (no caso da Via Láctea, o centro é o sol).

O espaço intergaláctico é formado por um gás que apresenta uma densidade média inferior ao átomo por metro cúbico. Em geral, as galáxias têm diversos aglomerados chamados cúmulos que, por sua vez, podem formar outros aglomerados maiores (supercúmulos).

As galáxias podem apresentar variadas formas. Posto isto, destacaremos as galáxias irregulares (que mostram perturbações criadas pela atracção gravitacional das galáxias vizinhas), as galáxias elípticas (com forma de elipse) e as galáxias espirais (com forma circular e braços curvos envoltos em poeira), por exemplo.

A Via Láctea pertence a um grupo com cerca de quarenta galáxias conhecido como Grupo Local. Tem uma massa de 1012 massas solares e um diâmetro médio de aproximadamente 100.000 anos-luz. Os cientistas calculam que a nossa galáxia contém entre 200.000 e 400.000 milhões de estrelas.