Conceito.de

Conceito de pavor

O pavor é a sensação que sofre uma pessoa quando está aterrorizada. O termo é usado como sinónimo de medo ou temor, em geral se o indivíduo em questão está espantado ou alterado com uma situação.

Exemplos: “A chegada do mascarado causou pavor entre os presentes”, “Quando vi que o carro avançava a toda a velocidade na nossa direcção, senti pavor”, “A explosão provocou pavor no povo, embora não se tenha registado feridos”.

A partir do pavor, a pessoa sofre alterações no seu estado anímico. Essa alteração decorre pela percepção de um potencial perigo ou dano, podendo ser real ou estar na imaginação do sujeito. Aquilo que faz o pavor é situar a pessoa num estado de alerta, que pode servir como mecanismo de defesa.

A escolha do termo pavor, temor, medo, terror ou outro semelhante costuma depender do contexto. A denominação mais comum para o estado de angústia desta classe é medo. O terror costuma ser um medo exacerbado, ao contrário do temor que é um medo (ou receio) pouco intenso. O pavor, por sua vez, costuma estar associado a algo repentino, que se experimenta de súbito ou com grande intensidade.

Uma pessoa, neste sentido, pode comentar que tem medo das ratazanas ou da escuridão. É provável que, se um dia, acordar e, do nada, lhe aparecer uma ratazana, sinta pavor com a situação. O pavor tende a incluir reacções como gritos, choro e tentativa de fugir daquilo que o provoca.