Conceito.de

Conceito de pólen

Pólen é um termo que deriva de pollen, um vocábulo latino. O conceito permite mencionar os grãos que se encontram nos órgãos masculinos das flores e que apresentam os gametófitos da planta.

O pólen, por norma, é formado por um par de células recobertas por membranas. Através de um processo conhecido como polinização, o pólen passa dos estambres das flores até ao estigma, onde se produz a germinação e a fecundação dos óvulos que dão lugar à criação de frutos e sementes.

Esta polinização pode ser desenvolvida por animais (como insectos ou aves), pela água ou o próprio vento, conforme a espécie vegetal. Aos vectores ou agentes animais que contribuem para a polinização são conhecidos pelo nome de polinizadores.

As abelhas são alguns dos animais que se alimentam com pólen. Estes insectos submetem o pólen a uma transformação através do agregado de enzimas, que lhe permitem digeri-lo.

O pólen enquanto alimento do ser humano costuma ser motivo de polémica. Ao ser composto por vitaminas, hidratos de carbono, proteínas e outros nutrientes, costuma-se dizer que é um alimento muito saudável. Diversos cientistas, porém, afirmam que as propriedades benéficas do pólen para as pessoas não estão confirmadas: antes pelo contrário, o pólen chega a provocar alergias.

Se o pólen não for armazenado de forma adequada, além do mais, é possível que se contamine e se torne perigoso para a saúde de quem o consome. De qualquer forma, o pólen continua a ser escolhido por muitas pessoas que queiram incluir nutrientes na sua dieta.