Conceito.de
Conceito de

Bem jurídico

Bem jurídico é um termo usado no direito, referindo-se a algo que é protegido por ordem jurídica. Ele se trata então de um interesse que o sistema legal visa resguardar. É um conceito essencial na teoria do delito e para o estudo do direito penal.

bem jurídico
O bem jurídico é um conceito do âmbito do direito

No contexto do direito penal, as leis penais existem com o foco em proteger certos bens jurídicos. Esses bens tendem a variar e compreender a vida, a integridade física, também a liberdade, propriedade, honra, etc. Um homicídio, por exemplo, seria visto como um ataque ao bem jurídico da vida, ao passo que o furto afetaria o bem jurídico da propriedade.

A noção de bem jurídico exerce um papel importante na definição dos tipos penais e para a determinação das penas. Ao compreender quais bens jurídicos são protegidos por uma certa lei, então há como entender a finalidade e a essencialidade dessa legislação no âmbito da sociedade.

Desse modo, o bem jurídico se trata dos interesses ou valores os quais o sistema jurídico busca preservar e resguardar por intermédio das normas legais.

Termos como posse, tutela, constituição, jurisprudência surgem junto a esse conceito.

Se você tem apenas alguns segundos, leia estes pontos chave:
  • O bem jurídico é aquilo que é legalmente protegido pela ordem jurídica, sendo essencial no contexto penal como representante de interesses fundamentais na sociedade.
  • Há uma distinção entre bens jurídicos materiais (tangíveis) e imateriais (intangíveis), sendo essa diferenciação crucial para a adaptação da legislação aos variados valores que podem ser ameaçados.
  • A classificação dos bens jurídicos, entre individuais e coletivos, disponíveis e indisponíveis, e absolutos e relativos, auxilia na compreensão das diferentes nuances das instâncias protegidas pelo direito e na formulação mais precisa da justiça.
  • A relação entre bens jurídicos e direitos fundamentais é inerente ao sistema jurídico, sendo necessário proteger eficazmente os bens jurídicos para garantir os direitos humanos e fundamentais.

Sobre a natureza do bem jurídico

A natureza do bem jurídico no âmbito do direito se trata do que é protegido de forma legal pela ordem jurídica. Ele compõe, como citado, o objeto de valor que se busca preservar por meio de leis.

No contexto penal, o bem jurídico é basal, retratando os interesses essenciais para a sociedade, como os já mencionados vida, liberdade, propriedade, etc.

Quanto à sua materialidade, os bens jurídicos tendem a ser classificados em materiais e imateriais.

Os bens materiais são aqueles tangíveis, a exemplo a propriedade física ou da integridade corporal. Enquanto os bens imateriais são intangíveis, onde se compreendem os direitos autorais, a reputação e as liberdades abstratas. Essa diferenciação é algo importante para adaptar a legislação para a diversidade de valores quais tendem a ser ameaçados.

A proteção legal dos bens jurídicos tem um papel crucial para determinar a responsabilidade penal e para a imposição de sanções proporcionais. Entender a natureza dos bens jurídicos auxilia a definir os limites e objetivos das leis, requerendo uma justiça mais precisa e alinhada para os valores sociais.

Entendendo as classificações dos bens jurídicos

A classificação dos bens jurídicos é ajuda a compreender as variadas nuances das relações e instâncias protegidos pelo direito. Uma distinção importante é entre os bens jurídicos individuais e coletivos.

Os bens individuais são os que remetem a interesses pessoais, de apenas uma pessoa, como é o caso da propriedade privada ou da integridade física. Por sua vez, os bens coletivos se tratam dos interesses compartilhados por uma sociedade de modo geral, onde se pode citar coo exemplo a ordem pública ou mesmo o meio ambiente.

Mais uma classificação proeminente é a divisão entre bens jurídicos disponíveis e indisponíveis.

Os bens disponíveis são susceptíveis de constituírem objeto de negociação e transação entre os envolvidos, como propriedades e contratos. Em embate, os bens indisponíveis são os que não poderão ser alienados, como é o caso dos direitos fundamentais e dos interesses públicos.

Além do mais, existe a importante distinção entre bens jurídicos absolutos e relativos. Os bens absolutos se tratam daqueles que são passíveis de se opor a todos, não importando a relação jurídica entre as partes, a exemplo da vida e da liberdade. Enquanto os bens relativos estão sujeitos a uma relação particular entre os envolvidos, como é o caso dos direitos contratuais.

Tais classificações são importantes para formular e aplicar o direito, auxiliando no ajuste das normas legais às diversas situações e focos existentes na sociedade. Entender sobre essas distinções é crucial para promover a justiça que ainda será adaptada às complicações das relações sociais.

Bem jurídico e direitos fundamentais: a relação e distinção entre eles

conceito de bem jurídico
O bem jurídico se refere ao que é protegido por ordem jurídica

A relação entre bens jurídicos e direitos fundamentais é inerente a atuação do ordenamento jurídico.

Os direitos fundamentais se tratam de garantias importantes outorgadas a cada pessoa, repetidamente em acordo com bens jurídicos fundamentais. Por exemplo: o direito à integridade física tem relação direta com a proteção do bem jurídico da vida.

O ordenamento jurídico é arquitetado para proteger bens jurídicos importantes à dignidade humana, retratando nos direitos fundamentais. A liberdade, por exemplo, se trata de um direito basal e também um bem jurídico protegido pelo sistema legal. A relação entre tais elementos é enérgica, com a legislação por vezes tentando equilibrar o cuidado dos bens jurídicos com as precisões sociais e individuais.

A proteção eficaz de bens jurídicos importantes é um pilar para os direitos fundamentais. Essa interconexão ressalta a essencialidade de um sistema jurídico que reconheça os direitos humanos e os vincule aos bens jurídicos fundamentais.

Desse modo, a justiça e a equidade são estimuladas. E com isso se garante que a ordem jurídica respeitará e protegerá os valores importantes para que haja uma sociedade justa e digna.

Citação

SOUSA, Priscila. (1 de Dezembro de 2023). Bem jurídico - O que é, conceito e definição. Conceito.de. https://conceito.de/bem-juridico