Conceito.de
Conceito de

Tropismo

Tropismo possui uma noção é utilizada na biologia para evocar o deslocamento que realizam as plantas ou certos órgãos delas para responder a um estímulo que chega desde o exterior.

tropismo
O tropismo é quando as plantas reagem a estímulos externos

Existem diferentes classes de tropismos conforme a natureza do estímulo. Quando a reação da planta é ocasionada pela força de gravidade e a sua aceleração, fala-se de gravitropismo. As raízes, neste caso, crescem para o solo enquanto os talos (caules) se desenvolvem para cima até sair à superfície. Diz-se que o tropismo das raízes é positivo (acompanha a força da gravidade), ao passo que o tropismo dos talos é negativo (oposto à dita força).

Devido ao fototropismo, as plantas reagem à luz, o que permite o desenvolvimento da fotossíntese. Ao contrário daquilo que acontece com o gravitropismo, neste caso, as raízes apresentam um fototropismo de tipo negativo e os talos contam com um fototropismo positivo. Dentro dos fototropismos, destaca-se o heliotropismo: o tropismo que implica um movimento da planta de acordo com a orientação do sol.

Outras classes de tropismos são aquelas reconhecidas como parte dos quimiotropismos, relacionadas com as respostas das plantas relativamente a elementos químicos. Quando esses elementos são benéficos para o organismo vegetal, pode-se produzir o aerotropismo (os talos orientam-se às regiões areadas da superfície) ou o hidrotropismo (dirigem-se para a água).

Havendo contato com um sólido, por fim, as plantas podem desenvolver o tigmotropismo, uma reação que produz uma modificação no seu crescimento. É este tipo de tropismo que os vegetais trepadores realizam.

Navegue pelo índice de temas.

Geotropismo

conceito de tropismo
Existem diferentes tipos de tropismo

O geotropismo é o nome do tipo de tropismo relacionado a resposta do crescimento das plantas à gravidade. E o mesmo é essencial para direcionar o desenvolvimento das plantas quanto à direção do campo gravitacional da Terra.

No caso das raízes, há o geotropismo positivo, em que elas crescem rumo à gravidade, com o objetivo de aprofundar-se no solo buscando por nutrientes e água. E no caso dos caules e nas folhas, o geotropismo seria negativo, já que esses órgãos costumam crescer contra a gravidade, no sentido da luz solar.

Essa é uma resposta mediada pelas células especializadas denominadas de estatocistos, as quais estão nas extremidades das raízes e caules, que identificam a orientação gravitacional e indicam as células de crescimento para que direcionem o crescimento da planta apropriadamente.

O geotropismo cumpre um papel importante na sobrevivência e desenvolvimento das plantas. Ele possibilita que elas explorem recursos no solo e aprimorem a exposição delas à luz para a realização da fotossíntese.

Termotropismo

Há também o termotropismo. Esse se trata do tipo de tropismo que compreende a resposta do crescimento de uma planta à temperatura. Igualmente ao geotropismo, o termotropismo poderá ser positivo ou negativo, a depender da posição do estímulo térmico quanto ao crescimento da planta.

No termotropismo positivo, existe um crescimento direcionado das plantas rumo a uma fonte de calor, ao passo que no termotropismo negativo, esse crescimento é conduzido para longe dela. Tal mecanismo auxilia as plantas a otimizarem a sua exposição para a temperatura certas para o crescimento e desenvolvimento. Mas ele ainda ajuda a regular a distância que há nelas quanto a fontes de calor que sejam consideradas riscos, como o fogo.

Experimento sobre o tropismo

Um experimento que ajuda a entender melhor sobre o tropismo é colocar uma planta dentro de uma caixa e fechar essa caixa, fazendo depois um furo nela, por onde a luz entrará. Conforme essa planta se desenvolve, há como ver que ela terá um crescimento orientado rumo à luz.

O nastismo

O nastismo, chamado ainda de movimento nástico, se trata da resposta das plantas a estímulos, contudo a sua direção não é influenciada por estímulos. O nastismo pode ser subdividido em dois: nictinastia e tigmonastia.

Na nictinastia, ocorre que as folhas “dormem”, se movimentando segundo as mudanças que acontecem no turgor das células motoras que estão no pulvino.

Na tigmonastia, o movimento se dá como resposta a estímulos mecânicos, a exemplo do fechamento das folhas da planta sensitiva ou da planta carnívora denominada de dioneia, entre outros casos.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (5 de Janeiro de 2015). Atualizado em 9 de Abril de 2024. Tropismo - O que é, conceito e definição. Conceito.de. https://conceito.de/tropismo