Conceito.de
Conceito de

Deglutição

Deglutição, um termo com origem no latim deglutĭo, significa o acionar e as consequências de deglutir. Este verbo menciona a passagem dos alimentos ou de outras substâncias pela boca para chegar ao estômago.

deglutir
O ato de deglutir é fundamental no processo de ingestão de alimentos

Exemplos: “O avô tem problemas de deglutição”, “Desde que recebi aquela pancada tão forte na mandíbula, a deglutição é uma luta para mim”, “A mãe deve estar atenta para evitar a deglutição de objetos por parte do menino”.

A deglutição pode entender-se como uma ação que implica a intervenção de diversos músculos, os quais atuam de maneira integrada. O primeiro passo é um acto voluntário (faz-se entrar um alimento no organismo depois de o ter depositado na boca e mastigado) e desenvolve-se graças à ação da língua, que impulsa a comida e a leva para a zona da faringe.

A saliva ajuda o alimento no sentido de se tornar no chamado bolo alimentar e possa atravessar a laringe. A deglutição continua com uma série de processos que já são involuntários.

Aos problemas persistentes para realizar a deglutição com normalidade chama-se-lhes de disfagia. Trata-se de uma complicação que pode surgir por diversas doenças e transtornos.

A disfagia pode apresentar sintomas como uma mastigação que se estende demasiado no tempo, a expulsão involuntária de saliva, a dor no momento de tragar, a regurgitação da comida ou a tosse. Para diagnosticar com precisão a causa da disfagia, o médico costuma mandar fazer um exame que se chama endoscopia gastrointestinal alta ou esofagogastroduodenoscopia.

Se você tem apenas alguns segundos, leia estes pontos chave:
  • Existem três fases da deglutição: oral, faríngea e esofágica.
  • A fase oral é voluntária, enquanto a faríngea e a esofágica são automáticas.
  • A disfagia orofaríngea é um distúrbio de deglutição que impede que o bolo alimentar chegue com segurança ao estômago, podendo levar a pneumonia.
  • A disfagia orofaríngea pode ser causada por várias coisas, incluindo alterações nas estruturas envolvidas na deglutição, ou alterações no controle neuromotor desses órgãos.

Fases da deglutição

conceito de deglutir
A deglutição é um processo fundamental para os humanos e animais

A deglutição possui três fases, sendo elas:

  • Oral: quando o bolo alimentar se move da boca até a orofaringe;
  • Faríngea: movimento do bolo alimentar saindo da orofaringe e indo até o esófago;
  • Esofágica: e aqui seria quando o bolo alimentar parte do esófago e então segue para o estômago.

A fase oral da deglutição se caracteriza por uma fase voluntária (isso quer dizer que ela depender da vontade). Já as demais, a faríngea e a esofágica, são automáticas.

Na fase faríngea, que é a primeira das fases involuntárias, é causado o mecanismo que impossibilita que os alimentos adentrem na laringe (sistema respiratório) na deglutição. O que ocorre aqui é que a laringe sobe um pouco, depois a base da língua desce e a epiglote se mover para baixo, se inclinando a fim de cobrir a abertura da laringe e resguardar as vias respiratórias, e as cordas vocais terminam com a entrada da via aérea.

Na fase esofágica da deglutição, o bolo alimentar sai do esófago de vai para o estômago devido, em especial, ao movimento de contração e relaxamento de músculos que sucede na parede do esófago, o que gera os movimentos peristálticos. Os movimentos peristálticos são importantes para que suceda o processo de digestão devidamente.

Há uma contração dos músculos acima do bolo alimentar e tal contração se propaga e empurra o bolo alimentar. Ao mesmo tempo, os músculos abaixo do bolo alimentar ficam relaxados, facilitando o movimento dele.

Disfagia orofaríngea: distúrbio de deglutição

Disfagia orofaríngea se trata de um distúrbio de deglutição, que surge quando algo errado sucede no momento de engolir. Esse distúrbio faz com que o bolo alimentar possua dificuldades para chegar seguro no estômago. Quando ocorre algo assim, então o alimento pode parar nos pulmões. O indivíduo então desenvolveria pneumonia e sua saúde seria comprometida.

Cabe explicar que uma disfagia orofaríngea não seria propriamente uma doença, senão um sintoma. Isto quer dizer que a disfagia dispõe, necessariamente, um motivo que precisa de diagnóstico para se prescrever o tratamento apropriado.

Vários fatores poderiam causar a disfagia orofaríngea.

Uma pessoa pode apresentar alteração nas estruturas que integram o processo de deglutição, como acontece com aqueles que fazem uma cirurgia de cabeça e pescoço, também se manifestaria devido a uma alteração no controle neuromotor de tais órgãos, como no caso de um indivíduo que teve um Acidente Vascular Cerebral (AVC), um Traumatismo Crânio-Encefálico e outras causas neurológicas.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (30 de Outubro de 2014). Atualizado em 4 de Janeiro de 2024. Deglutição - O que é, fases, conceito e definição. Conceito.de. https://conceito.de/degluticao