Conceito.de
Conceito de

Oximoro

Oximoro é uma figura de estilo (mais exatamente de pensamento) em que se exprime um paradoxo, que consiste em associar dois termos de significado oposto (aliás, contraditório) numa mesma estrutura, com o objetivo de criar um terceiro conceito com um novo sentido.

oximoro
O oximoro assimila termos com significados opostos

Um oximoro funciona num sentido metafórico uma vez que o seu significado literal é absurdo ou incoerente. Exemplo: “A sua obra está coberta por uma luminosa escuridão” é um oximoro que poderia fazer referência a um estilo artístico relevador. “A droga oferece um prazer doloroso” é outro oximoro, neste caso, para fazer referência às substâncias químicas que podem causar uma sensação agradável momentânea, mas que causam sérios problemas a longo prazo.

Esta figura retórica permite ocultar uma intenção sarcástica debaixo de uma expressão que, de aparência, é absurda: “Um silêncio ensurdecedor desceu desde a tribuna até ao campo, acabando por desconcertar os jogadores”.

Às vezes, diz-se que certas expressões são oximoros por uma questão de juízo subjetivo. É o caso de frases como “inteligência militar” ou “armas inteligentes”; há quem diga que a inteligência não se aplica ao âmbito militar por não serem racionais as técnicas ou disciplinas que procuram destruir outras pessoas.

Alguns oximoros fazem parte da linguagem quotidiana como “quase sempre”, “aposta segura”, “acidente afortunado” ou “aldeia global”: “Vejo este programa quase sempre”, “Vou investir neste banco, é uma aposta segura”, “Foi um acidente afortunado: ele sofreu apenas uns arranhões”.

Se você tem apenas alguns segundos, leia estes pontos chave:
  • A figura de linguagem conhecida como oximoro tem a capacidade única de gerar contrastes profundos em apenas algumas palavras.
  • O oximoro difere de uma metáfora, na medida em que liga palavras ou ideias opostas, criando uma tensão intrínseca.
  • Na literatura, o oximoro é usado para gerar tensões emocionais nos personagens e adicionar profundidade à narrativa.
  • O oximoro também é comum na linguagem cotidiana, como na expressão "caminhos escuros", onde o termo "caminho" representa clareza, contradizendo "escuro", que significa a ausência de luz.

Oximoro e seus contrastes na linguagem literária e cotidiana

Existe uma relação complexa entre linguística e a literatura, onde as figuras de linguagem exercem um papel importante na criação de conceitos ricos e imagens vívidas.

No meio dessas figuras, o oximoro se sobressai pela capacidade única de gerar contrastes profundos em somente algumas palavras, criando uma tensão com capacidade para enriquecer prosa e poesia.

Sua distinção com outras figuras de linguagem

No amplo reino das figuras de linguagem, a identificação concisa do oximoro é importantíssima. Diferente de uma metáfora, que determina uma relação de semelhança entre elementos, o oximoro liga palavras ou ideias opostas, mas gerando uma tensão intrínseca.

Embora se assemelhe com a antítese, que também gera contraste com outros elementos, o oximoro mescla essas contradições numa única expressão. Enquanto isso, a antítese as manteria separadas.

Propósitos e funções do oximoro

Há bastante tempo que os escritores usam o oximoro a fim de incitar reflexão e expressar as confusões emocionais.

Na poesia, o oximoro tende a comprimir emoções conflitantes com poucas palavras, sendo um exemplo a frase de Shakespeare fez: Sensato delírio, doce amargura e repugnante especiaria.

Assim, o oximoro gera um efeito surpreendente ao juntar palavras que geralmente não seriam associadas. No caso de “amargo doce”, há a colisão das qualidades opostas de amargor e doçura.

Já num discurso, o oximoro é empregado visando transmitir uma mensagem impactante, ressaltando as contradições subjacentes.

Seu papel na criação de imagens e ideias contrastantes

conceito de oximoro
Um oximoro ajuda a criar um contexto ou ideia contrastante

O oximoro atua como um instrumento na criação de contraste e para ressaltar ambiguidades. Ao aliar palavras contraditórias, como “silêncio ensurdecedor”, o oximoro dá ênfase para o paradoxo que há em situações complexas.

No caso da literatura e do drama, esse contraste tende a gerar tensões emocionais nos personagens e implementa profundidade para a narrativa.

Exemplos de oximoros na linguagem

Mas a utilização de oximoros não se limita à literatura clássica. Na linguagem cotidiana, expressões como “caminho escuro” ou “verdades contraditórias” comumente incorporam tal figura de linguagem.

No caso de “caminhos escuros”, ela seria considera um oximoro devido a que o termo “caminho” designa a ideia de clareza e sentido, contrastando com “escuro” que remete a ausência de luz.

Na literatura, autores modernos usaram os oximoros nas suas obras com o propósito de ilustrar as contradições da sociedade.

Mas ao passo que o oximoro funde ideias contrastantes, há outros elementos como a ironia e o sarcasmo que exploram o contraste existente entre o significado concreto e aparente dos termos.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (22 de Abril de 2013). Atualizado em 25 de Agosto de 2023. Oximoro - O que é, funções, propósito e exemplos. Conceito.de. https://conceito.de/oximoro