Conceito.de
Conceito de

Economia circular

Economia circular é um processo onde evita-se a extração de recursos naturais com a reutilização e reciclagem de materiais.

economia circular
A economia circular promove sustentabilidade

Tal conceito inovador vai além da abordagem comum do desenvolvimento econômico, mas ele incita o uso mais eficiente e responsável dos recursos naturais.

Essa abordagem ocasiona a implementação de novos modelos de negócios e na otimização dos processos usados na fabricação, o que diminui a dependência de matéria-prima virgem e dá prioridade para os insumos recicláveis e renováveis, mas também para aqueles mais duráveis.

A economia circular sugere uma revisão completa no modo como são desenhados, produzidos e comercializados produtos, buscando assegurar o uso inteligente e a recuperação dos recursos naturais. Seria então um refinamento do atual sistema econômico, estabelecendo um novo relacionamento com os recursos naturais e promovendo uma convivência sustentável entre sociedade e meio ambiente.

A Organização Internacional de Normalização, que no inglês é “International Organization for Standardization” (ISO), ajuda na definição em constante evolução sobre economia circular.

Segundo a ISO, economia circular é um sistema econômico que adere a uma abordagem sistêmica visando manter o fluxo circular dos recursos. E se obtém isso através da adição, retenção e também da regeneração de valor desses recursos, ajudando, desse modo, no desenvolvimento sustentável.

Esse processo ainda promove a redução de resíduos, eco-design, maior uso de produtos recicláveis e eficiência de recursos.

Se você tem apenas alguns segundos, leia estes pontos chave:
  • A economia circular propõe um sistema de reuso, que difere da gestão de resíduos tradicional, focando na redução da extração de recursos, na maximização da reutilização deles e na eficiência dos processos de desenvolvimento e uso de produtos.
  • Essa abordagem tem o potencial de ajudar a reverter danos ambientais, como o aquecimento global, através da valorização dos recursos naturais e diminuição das emissões de gases de efeito estufa.
  • Os benefícios da economia circular incluem novas fontes para investimento, otimização do uso de matérias-primas, menos desperdícios, oportunidade para novos negócios, aumento da eficiência operacional e crescimento na economia.
  • Apesar de seus benefícios, a transição para a economia circular enfrenta desafios, como resistência a mudanças e necessidade de investimentos em inovação. Entretanto, ela impulsiona a geração de novos empregos, fortalece a competitividade no mercado global e promove a colaboração entre empresas para otimizar a utilização de recursos e minimizar o desperdício.

Princípios e características da economia circular

Diferente das práticas tradicionais de gestão de resíduos e reciclagem, a economia circular compreende um propósito mais amplo. Ela aciona do redesenho de processos a otimização do uso de recursos.

Dentre as principais características há:

  • A redução da extração de recursos;
  • Mas a maximização da reutilização dos recursos;
  • E ainda a eficiência aperfeiçoada nos processos de desenvolvimento e no uso de produtos.

A abordagem frequente da economia circular se concentra no uso sequencial de materiais, dando valor aos recursos naturais nas etapas produtivas. O foco é em reduzir a extração de recursos e expandir sua disponibilidade, o que culmina em um grande potencial para reverter danos ambientais, como é o caso do aquecimento global.

Motivações para a transição

Existem vários motivos para a transição para a economia circular. Uma dessas seria a escassez de produtos suscitada pelo modelo linear, a qual desperdiça recursos importantes.

Mas a transição para a economia circular não somente aborda sobre tal escassez, como ainda promove a sustentabilidade e mostra como os recursos naturais são valiosos para a humanidade.

Benefícios da economia circular

Como citado, a economia circular proporciona benefícios para a sociedade e para o meio ambiente.

A reutilização e a reciclagem de produtos são processo que ajudam a desacelerar o consumo de recursos naturais, diminuindo a alteração da paisagem e habitat. Além do que, isso ainda ajuda a limitar a perda de biodiversidade.

Outro benefício é a diminuição das emissões de gases de efeito estufa ao longo do ano. Processos industriais são responsáveis por uma parcela importante dessas emissões, logo, a gestão de resíduos tem um papel importante na redução desse impacto ambiental.

Há ainda como vantagens do modelo circular:

  • Novas fontes para investimento;
  • Otimização do uso de matérias-primas;
  • Menos desperdícios;
  • Oportunidade para novos negócios;
  • Aumento da eficiência operacional;
  • Crescimento na economia;
  • Conscientização da população, que passa a consumir com mais cautela e tendo agora consciência ambiental.

Design sustentável e redução do impacto ambiental

O que também ajuda nesse tipo de economia é pensar nos produtos com foco em menos impactos ambiente desde a sua concepção. E assim se criaria produtos mais eficientes e sustentáveis.

Uma parcela expressiva do impacto ambiental de um produto é determinada no design, e, desse modo, criar produtos mais eficazes ajudaria a reduzir o consumo de energia e de recursos, gerando menos impactos ao meio ambiente.

Essa mudança para produtos reutilizáveis, realizando a valorização de materiais, focando na durabilidade de produtos, que podem ainda ser reparados, diminuiria a quantidade de resíduos gerados.

Nesse aspecto, é ainda tratada da questão crescente do excesso de embalagens. Inclusive, nos dias atuais, a União Europeia busca reduzir esse problema e melhorar o design das embalagens a fim de promover a reutilização e a reciclagem. Outros países também se dedicam a ações similares.

Desafios e oportunidades na economia circular

conceito de economia circular
A economia circular ajuda a preservar o meio ambiente e melhorar a economia

Porém, mesmo com a economia circular apresentando muitos benefícios, a mudança para ela enfrenta desafios. E alguns desses desafios incluem: a resistência que pessoas e empresas têm a mudanças, a precisão de aplicações financeiras em inovação e a adaptação das práticas existentes.

Mesmo assim as oportunidades são vastas.

A economia circular é algo que impulsiona a inovação. Dentre suas contribuições há ainda a geração de novos empregos e o fortalecimento da competitividade das empresas no mercado a nível global. Nesse aspecto, tanto as empresas quanto também o governo atuam para proporcionar melhorias.

Há ainda que citar a associação entre indústria, meio ambiente e o bem-estar da comunidade que, aliada a economia compartilhada, se convertem em conceitos destacados nesse contexto. Eles promovem a colaboração entre empresas em prol de otimizar o uso de recursos e diminuir o desperdício.

Citação

SOUSA, Priscila. (29 de Janeiro de 2024). Economia circular - O que é, características, benefícios e na economia. Conceito.de. https://conceito.de/economia-circular